Consultor Jurídico

Eleições livres

Presidente do TSE diz que sociedade está mobilizada em favor da democracia

Retornar ao texto

Comentários de leitores

7 comentários

Reportagem contraditória

AC-RJ (Advogado Autônomo)

A reportagem contém uma forte contradição. No início narra que o Presidente do TSE declarou que as duas autoridades citadas desmentiram a narrativa do jornal "O Estado de São Paulo" e que não houve episódio algum de ameaça às eleições. Porém, logo depois a reportagem narra que "O episódio desta quinta-feira vem se somar a uma série de ataques às instituições". Assim, o Presidente do TSE afirma que após a sua apuração concluiu que não houve episódio algum, mas o site o rebate e insiste que houve. O site poderia demonstrar como concluiu que as duas autoridades e o Presidente do TSE estariam errados e que o episódio realmente existiu?

não surpreende

Rinaldo Araujo Carneiro - Advogado, São Paulo, Capital (Advogado Sócio de Escritório - Empresarial)

Surpreenderia se a chamada fosse: Sociedade defende com ampla maioria o direito ao voto impresso auditável !

Do próprio Barroso

Afonso de Souza (Outros)

"Conversei com o Ministro da Defesa e com o Presidente da Câmara e ambos desmentiram, enfaticamente, qualquer episódio de ameaça às eleições. Temos uma Constituição em vigor, instituições funcionando, imprensa livre e sociedade consciente e mobilizada em favor da democracia."

Pela aprovação da pec 135/2019 voto impresso em 2022

VASCO VASCONCELOS -ANALISTA,ESCRITOR E JURISTA (Administrador)

Por Vasco Vasconcelos, escritor, jurista e abolicionista contemporâneo.
Se em qualquer quitanda na hora de efetuar o pagamento a maquininha emite de imediato, o comprovante da compra, se durante a efetivação de um depósito na rede bancária o sistema emite o comprovante, se o Senado Federal acaba de eleger em cédulas de papel, o Senador Rodrigo Pacheco,novo Presidente do Senado Federal; se até as agremiações carnavalescas, (escolas de samba), adotam a contagem dos votos impressos, na apuração pública, nos quesitos: Bateria, Samba Enredo, Harmonia, Evolução, Enredo, Alegorias e Adereços, Fantasia, Comissão de Frente, Casal Mestre Sala e Porta-Bandeira, são públicos, repito com votos impressos, sujeitos a recontagem e auditoria dos votos, por quê as agremiações políticas e algumas autoridades estão esperneando contrários ao voto impresso cujo maior objetivo é dar credibilidades internacional as nossas urnas eletrônicas?
EIS A QUESTÃO:
Ora Senhores se o Senado Federal, utilizou cédulas de papel, (sem nenhum esperneio), e elegeu hoje, (01.02.2021 o nobre Senador Rodrigo Pacheco, Presidente do Senado Federal, numa eleição secreta, sem fraude, sem nenhuma contestação, com votos apurados um a um, pelo
Por fim a PEC Nº 135 DE 2019 simplesmente consiste na votação em urnas híbridas. com impressão de cédula física e conferível pelo eleitor, a ser depositadas em urnas indevassáveis, para fins confirmação do voto bem como de auditoria, reforçando a necessidade imperiosa de que as urnas eletrônicas precisam ser auditadas em respeito ao Princípio Constitucional da moralidade ( transparência, integridade) no interesse da confiabilidade do processo eleitoral brasileiro, prevenção, detecção e combate à ocorrência de possíveis atos lesivos à sociedade

Se as urnas eletrônicas são seguras qual medovoto impresso?

VASCO VASCONCELOS -ANALISTA,ESCRITOR E JURISTA (Administrador)

Se as urnas eletrônicas são tão seguras? Qual o medo de auditar dos votos? Quem tem medo das verdades e da transparência ? EIS A QUESTÃO.
Isso é Espírito de Brasilidade!
https://www.gentedeopiniao.com.br/opiniao/pela-aprovacao-urgente-dapec-no-135-de-2019-moralizacao-das-urnas-eletronicas-voto-impresso-em-2022 Brasília, 17 de junho de 2021
OPINIÃO
A oposição bizarra tem todo direito de utilizar o "jus sperniandi" (espernear a vontade).
Por Vasco Vasconcelos, escritor, jurista e abolicionista contemporâneo.
Se continuar batendo no Presidente, em
2022 a derrota dos meliantes e suas ramificações será ACACHAPANTE, principalmente se for implantado o voto impresso, em respeito aos princípios constitucionais insculpido na nossa LEX MATER, a saber:
( L I M P E ): LEGALIDADE, IMPESSOALIDADE, PUBLICIDADE E EFICIÊNCIA).

Lembro que o voto é secreto mas a apuração É UM ATO ADMINISTRATIVO.
A população brasileira exige transparência.

Pelo fim urgente da pecaminosa CPI dos vagabundos, COVID-19.
Nada contra investigar os agentes públicos que surrupiaram o dinheiro destinado a compra de equipamentos de EPI, medicamentos, reformas dos hospitais, etc.

Voto milícia

capixa (Administrador)

O voto impresso tem como únicos interessados os milicianos, que querem comprovantes dos votos impostos e comprados dos seus eleitores.
O bozzo, que não tem capacidade sequer para administrar um cortiço, sabe que já perdeu a reeleição e quer tumultuar.
Quem ainda não entendeu isso merece ser gado.

Ao capixa (Administrador)

Afonso de Souza (Outros)

Ele defende isso há muito tempo. Desde antes de 2018. Muitos outros que agora se dizem contra defendiam o voto auditável antes.
Há gado a favor r gado contra, como se vê.

Comentar

Comentários encerrados em 30/07/2021.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.