Consultor Jurídico

Cada um no seu quadrado

Ministra nega ação que pedia para Lira analisar pedidos de impeachment

Retornar ao texto

Comentários de leitores

3 comentários

Apostaria no Mandado de Injução

Ramiro. (Advogado Autônomo - Criminal)

A melhor aposta poderia ser o mandado de injeção. Fosse o cidadão comum, o STF presto alegria ilegitimidade ativa, um partido político, como alegar ilegitimidade?

Responder

Amadorismo

Lucas eterno aprendiz (Estudante de Direito)

O pt errou ao escolher o MS e não colocar 1 único deputado petista como autor. Se colocasse um, ou melhor ainda a bancada toda junta com a oposição, não teria como o STF negar o pedido, pois os deputados tem o direito líquido e certo de analisarem a admissibilidade do pedido e o presidente da CD não pode passar por cima deles. A questão que fica é: foi erro ou estratégia do pt para dizer que fez alguma coisa enquanto, na verdade, queria ver o presidente sangrando (sentido figurado) até 2022?

Responder

Amadorismo

Dr. Sebastião Araújo (Advogado Assalariado - Criminal)

Querem ver o presidente "sangrando" por mais 06 anos, isto sim.

Comentar

É necessário se identificar fazendo login no site para poder comentar.
Não tem conta na ConJur? Clique aqui e cadastre-se!