Consultor Jurídico

Sem previsão de alta

Após atuação da OAB, advogado hospitalizado consegue adiar audiência

O advogado Cirino Adolfo Cabral Neto conseguiu, após acionar a OAB de Santa Catarina, reverter uma decisão judicial anterior e adiar uma audiência na Comarca de Navegantes.

O advogado, que tem uma doença renal crônica, passou por uma cirurgia de transplante no dia 21 de janeiro, e ficou internado no Hospital Santa Isabel, de Blumenau, sem previsão de alta.

No entanto, mesmo apresentando o atestado médico não conseguiu a prorrogação da audiência de instrução de um processo no qual era o procurador.

A comissão de prerrogativas da OAB-SC, ao ficar sabendo do caso, atuou para resolvê-lo. “Junto à Subseção de Navegantes entramos em contato com o magistrado e conversamos com ele por meio de teleconferência. De imediato, ele foi solidário e aceitou o nosso pedido de adiamento da audiência até o pronto restabelecimento do advogado transplantado”, contou a presidente da Comissão, Caroline Rasmussen.

A presidente da Subseção de Navegantes, Ana Elisa Mamfrim Farias, contou que ao verificar a situação do advogado, compreendeu a necessidade imediata da atuação em conjunto com a Seccional. "Foi uma grande vitória da união da classe em prol das prerrogativas desse colega que precisava do nosso auxílio."

O presidente da OAB-SC, Rafael Horn, reforça o papel da Seccional em defesa da advocacia. "A empatia de uma ação dá significado a toda gestão. Trata-se de garantir a dignidade da advocacia e a proteção tanto do advogado acometido de enfermidade quanto do cidadão, que não pode ter sua defesa prejudicada numa situação como essa. Assim, seguiremos atuando para resolver caso a caso e também para que o mais breve possível essa garantia se torne lei", defende.

Já o advogado Cirino Cabral Neto destaca a importância da força da OAB/SC. "Com a união da Seccional, por meio da Comissão das Prerrogativas, e da Subseção de Navegantes conseguimos reverter a decisão, mostrando, assim, que juntos podemos lutar pelos nossos direitos. A atuação do presidente Rafael, quando soube do caso, foi rápida. Fui muito bem atendido por todos. Me sinto feliz e aliviado para continuar com minha recuperação e tratamento." Com informações da assessoria de imprensa da OAB de Santa Catarina.




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 28 de janeiro de 2021, 9h04

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 05/02/2021.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.