Consultor Jurídico

Comentários de leitores

6 comentários

Prisão para todos os fascistóides.

Lourenço Augusto Mello Dias (Advogado Assalariado - Civil)

A prisão desse deputado que escarrou sobre as instituições da República, ofendeu magistrados, invocou o execrável AI-5 e clamou pela volta da ditadura é um ato didático da mais absoluta necessidade, no momento em que o país se encontra sob o ataque de maltas nazifascistas. Espero que o Congresso Nacional ratifique este ato e afaste da vida pública este cancro fétido.

Cuidado

fernandoz (Outros)

Se continuar nesse ritmo. Não poderemos nem mais omitir opinião. Acho que esse é o objetivo.

Imunidades parlamentares

Camila Stallonio (Advogado Autônomo - Administrativa)

Excelente texto ! Claro e objetivo . Que aula ! Galera só ali onde diz suspensão ou cassação de direitos políticos achou que teve um erro de digitação . É suspensão ou perda dos direitos políticos .

Gravidade de decisões

Luan Goes (Advogado Assalariado - Civil)

É pleno saber social que as palavras do deputado fora muito sérias e de gravidade entretanto o procedimento feito não encontra respaldo constitucional muitp menos processual penal . Violar o básico o sistema acusatório já mostra o perigo de certas decisões para o estado democrático de direito.

Até que o fim!

Marcelo-Advogado (Advogado Autônomo - Consumidor)

Achei... muito obrigado Sr. Escritor. Estou pedindo há alguns juristas escritores, dentre eles, o ótimo professor Lenio Streck, uma explicação jurídica sobre a decisão do ministro Alexandre de Moraes e do STF. Até agora, ele, assim como outros garantistas assíduos, não foram capazes de me explicar esse mandado de prisão em flagrante. A seletividade tomou conta dos pensadores. Meus professores, a quem tanto dediquei estudos, agora vejo o que realmente lhes interessa (nem todos, não vamos exagerar)! Depois de 20 anos de advocacia, agora entendo porque muitos querem ser amigos da corte! O STF não precisa e nunca precisará de amigos! Necessita de juízes de carreira, imparciais, cultos, sabedores da lei e que não sejam nitidamente partidários desse ou daquele bloco político! O STF requer respeito, e isso se conquista à base de defesa da Constituição Federal, e não da guarda de vaidades de cada um dos onze componentes que, repito, não são o Supremo, mas simplesmente os íntegra. O que se pode esperar de uma instituição em que, pela liturgia, se mantém funcionários para arrumar beca de ministro e para puxar e empurrar cadeira dos doutos em plenário?

Muito bom

Promotor Área Criminal (Promotor de Justiça de 1ª. Instância)

Artigo mais didático e completo que li até agora.

Comentar

Comentários encerrados em 26/02/2021.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.