De 16/3 a 31/1

STJ ultrapassa marca de 559 mil decisões durante trabalho remoto

Autor

4 de fevereiro de 2021, 16h09

O Superior Tribunal de Justiça proferiu mais de 559 mil decisões desde a implementação do trabalho remoto, em 16 de março de 2020. A medida foi tomada com a finalidade de evitar a disseminação do coronavírus.

Sergio Amaral / STJ
STJSTJ ultrapassa marca de 559 mil decisões durante trabalho remoto

Entre 16 de março de 2020 e 31 de janeiro de 2021, foram proferidas 559.647 decisões, sendo 420.139 terminativas e 139.508 decisões interlocutórias e despachos. As decisões terminativas foram, em sua maioria, monocráticas (330.663). As decisões colegiadas somaram 89.476.

Classes processuais
Entre as classes processuais, as que mais tiveram decisões foram os agravos em recurso especial (164.269), os Habeas Corpus (122.430) e os recursos especiais (70.877).

De acordo com os dados atualizados, o STJ realizou 185 sessões virtuais para o julgamento de recursos internos (agravos regimentais, agravos internos e embargos de declaração). Com informações da assessoria do STJ.

Encontrou um erro? Avise nossa equipe!