Consultor Jurídico

Multa paga

Alexandre extingue punibilidade de Daniel Silveira por desacato a servidora de IML

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, declarou extinta a punibilidade do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ) pelo cumprimento integral da pena de desacato (artigo 331 do Código Penal) envolvendo perita legista do Instituto Médico Legal (IML) do Rio Janeiro.

O deputado suspenso Daniel Silveira (PSL)
Michel Jesus/Agência Câmara

O ministro foi informado pela Procuradoria-Geral da República (PGR) que Silveira pagou integralmente a multa de R$ 20.177,91, fixada no acordo de transação penal firmado entre a PGR e o parlamentar, e determinou o arquivamento imediato do Inquérito 4.863, em que Silveira também foi investigado por infração de medida sanitária (artigo 268 do Código Penal).

Os fatos ocorreram em fevereiro deste ano, na noite em que Silveira foi preso em flagrante por crime inafiançável (crimes previstos na Lei de Segurança Nacional), por determinação do ministro Alexandre de Moraes. Na sede do IML, ele desacatou a legista ao lhe dirigir expressões ofensivas e se recusou a usar máscara.

No relatório final, a Polícia Federal apontou que, ainda que tenha oferecido resistência inicial ao uso da proteção facial por cerca de 3 minutos, tempo em que houve a discussão, o deputado, após a intervenção da autoridade policial responsável pela escolta, colocou a máscara, e o exame médico legal prosseguiu sem maiores intercorrências. Por esse motivo, considerou que a conduta, em tese, não se enquadra no artigo 268 do Código Penal e propôs, em relação a ela, o arquivamento do inquérito.

Audiências
Na Ação Penal (AP) 1.044, em que o deputado federal é réu por ameaças nas redes sociais ao STF e seus membros, começou nesta segunda-feira (16/8) a audiência de instrução para a oitiva de testemunhas.

Feita por videoconferência, está sendo presidida pelo juiz instrutor do gabinete do ministro Alexandre de Moraes, Airton Vieira.

Clique aqui para ler a íntegra da decisão
Inquérito 4.863




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 16 de agosto de 2021, 20h31

Comentários de leitores

2 comentários

Aposentadoria

O ESCUDEIRO JURÍDICO (Cartorário)

A aposentadoria do Deputado Federal Senhor Daniel Silveira seria benéfica para o país e para o povo, que paga os seus subsídios parlamentares.
O ideal seria mandá-lo para instalar a Embaixada do Brasil em Cabul, no Afeganistão.
Mas, quando esses "seres" enfrentam perigo real, "tremem na base", que nem aquele Militar que foi para o Haiti e quando viu a "realidade" tremeu como "vara morta".

Falar é fácil

Sidnei Fernando da Silva (Contabilista)

Olha ai o Rambo Brasileiro se vangloriando.

Comentários encerrados em 24/08/2021.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.