Consultor Jurídico

Agora Vai

Prazo para inscrição do 32º exame de ordem da OAB é reaberto

A Coordenação Nacional do Exame de Ordem Unificado e a Fundação Getulio Vargas divulgaram comunicado sobre a reabertura do prazo das inscrições para a primeira fase do 32º Exame de Ordem da OAB.

Prazo para inscrição do 32º exame de ordem da OAB é reaberto e data de aplicação da prova foi definida
Reprodução

O link para inscrição estará disponível apenas pela internet entre 17h desta quarta (28/4) e 17h do próximo domingo (2/5). O prazo limite para o pagamento da taxa vence em 19 de maio e as provas da primeira fase serão aplicadas no dia 13 de junho. 

Havia indefinição sobre datas e formato do exame por conta da epidemia de Covid-19. Em live no Instagram com o professor Marco Antônio Araújo, coordenador pedagógico do Meu Curso — que promove cursos para o exame — Alberto Simonetti, coordenador nacional da prova, chegou a citar a possibilidade de aplicação online do exame.

Clique aqui para ler o comunicado na íntegra  




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 28 de abril de 2021, 13h41

Comentários de leitores

7 comentários

Álvaro Hiluey sócio de Hiluey & D'Amorim Advogados

Álvaro José Hiluey Filgueiras D'Amorim (Advogado Sócio de Escritório - Empresarial)

Respeitosamente, se me permite o ilustre jurista,
faço minhas suas palavras com a total concordância do texto sem retirar nem acrescentar qualquer pontuação. Raramente se vê alguém questionar sobre esse vespeiro de arrecadação de valores por parte da OAB. Ademais, não há qualquer portal de transparência acerca dos valores arrecadados, tanto dos exames, bem como das anuidade, entre várias
e várias taxas cobradas para qualquer solicitação de documentos e afins.
Outrossim, faço voz ao comentário e sugestão do ADEVANIR TURA.

Alô oit ajude-nos abolir de vez a escravidão moderna oab

VASCO VASCONCELOS -ANALISTA,ESCRITOR E JURISTA (Administrador)

Por Vasco Vasconcelos , escritor, jurista. “DE TODOS OS ASPECTOS DA MISÉRIA SOCIAL NADA É TÃO DOLOROSO, QUANTO O DESEMPREGO ( Janne Adms)
Senhores membros da ORGANIZAÇÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO – OIT, ajude-nos abolir de vez o trabalho análogo a de escravos no Brasil, a escravidão moderna da OAB e inserir no mercado de trabalho cerca de quase 400 mil cativos ou escravos contemporâneos da OAB, devidamente qualificados pelo Estado (MEC) jogados ao banimento sem direito ao primado do trabalho. "O Brasil, último país a acabar com a escravidão tem uma perversidade intrínseca na sua herança, que torna a nossa classe dominante enferma de desigualdade, de descaso". Antes da promulgação da Lei Áurea, era legal escravizar e tratar as pessoas como coisa, para delas tirarem proveitos econômicos. A história se repete: Refiro-me ao jabuti de ouro da OAB, o famigerado caça-níqueis exame da OAB, cuja única preocupação é bolso dos advogados devidamente qualificados pelo Estado (MEC), jogados ao banimento, sem direito ao primado do trabalho, renegando pessoas a coisas.
Segundo o Egrégio STF a violação do direito ao trabalho digno impacta a capacidade da vítima de realizar escolhas segundo a sua livre determinação. Isso também significa “reduzir alguém a condição análoga à de escravo” (STF). Durante o lançamento do livro ‘Ilegalidade e inconstitucionalidade do Exame de Ordem do corregedor do TRF da 5º Região, Desembargador Vladimir Souza Carvalho, afirmou que exame da OAB é um monstro criado pela OAB. Disse q nem mesmo a OAB sabe do que ele se trata e que as provas, hoje, têm nível semelhante às realizadas em concursos públicos para procuradores e juízes. “É uma mentira que a aprovação de 10% dos estudantes mensure que o ensino jurídico do país está ruim...

Salve os 27 anos de escravidão moderna,oab

VASCO VASCONCELOS -ANALISTA,ESCRITOR E JURISTA (Administrador)

Por Vasco Vasconcelos, escritor, jurista e abolicionista contemporâneo. Brasília -DF . Com asco tomei conhecimento que a Justiça Federal julgou improcedente a ACP do MPF contra a 2ª fase do XXX Exame da OAB. Então o bacharel em direito é lesado na correção das provas da OAB/FGV, bate na porta do judiciário e recebe um tapa na cara? A quem recorrer desse sistema injusto que está tudo dominado? Se o cidadão for lesado, o caminho correto é bater na porta da Justiça ou do Vaticano?
A propósito incumbiria a parte lesada apenas, expor os fatos, e ao juiz, declarar o Direito, em respeito à tradição Romana a consagrada nos famosos brocardos jurídicos: “da mihi factum, dabo tibi ius” (me dá os fatos, e eu te darei o direito), e no" iura novit cúria" (o Tribunal conhece o direito.
Como uma barragem estourada OAB vem passando por cima de tudo, triturando sonhos e diplomas, gerando fome desemprego, depressão, síndrome do pânico, síndrome de Estocolmo, doenças psicossociais outras comorbidades diagnósticas. Uma chaga social que envergonha o país dos desempregados. Se as raposas políticas deste país tivessem propósitos já teriam abolido de vez o trabalho análogo a de escravos, a escravidão moderna da OAB e assim inserir no mercado de trabalho cerca de quase 400 mil cativos da OAB, jogados ao banimento. “DE TODOS OS ASPECTOS DA MISÉRIA SOCIAL NADA É TÃO DOLOROSO, QUANTO O DESEMPREGO ( Janne Adms).
O Brasil, último país a acabar com a escravidão tem uma perversidade intrínseca na sua herança, que torna a nossa classe dominante enferma de desigualdade, de descaso. Darcy Ribeiro.
Depois da OAB/FGV serem flagradas plagiando questões de outra banca, par ferrar ainda mais seus cativos e encher os cofres da OAB, essa EXCRESCÊNCIA tem que ser extirpada urgente..

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 06/05/2021.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.