Consultor Jurídico

Mercado Jurídico

Por Sérgio Rodas

Reforço de peso

Ex-governador de SP Márcio França se associa à banca Pomini Advogados

O ex-governador de São Paulo e candidato à prefeitura paulistana nas eleições de 2020, Márcio França, acaba de se associar ao escritório Pomini Advogados.

Desde 2010, a banca comandada pelo ex-secretário de Justiça de São Paulo Anderson Pomini tem atuação em Direito Eleitoral, Administrativo e Constitucional.

Pomini comemorou a chegada de Márcio França. "Sua vasta experiência no setor público irá contribuir com novas perspectivas para nossos clientes."

Advogado formado pela Universidade Católica de Santos, Márcio França iniciou sua vida profissional como oficial de Justiça, mas sua experiência jurídica deriva da ampla atuação política, que começou ainda jovem.

Em 1988, iniciou a trajetória no Partido Socialista Brasileiro (PSB), pelo qual se elegeu, naquele mesmo ano, vereador na cidade de São Vicente, no litoral paulista.

Em 1996, obteve seu primeiro mandato de prefeito, tendo sido reeleito com 93% dos votos válidos nas eleições de 2000. A gestão bem avaliada somada à capacidade de articular o levou a liderar a Frente Nacional de Prefeitos, que o habilitaria a disputar espaços políticos mais amplos.

No ano de 2006, elegeu-se deputado federal, sendo reconduzido ao cargo em 2010. No ano seguinte, assumiu o comando da Secretaria de Esporte, Lazer e Turismo do estado de São Paulo. Em 2014, elegeu-se vice-governador de São Paulo na chapa de Geraldo Alckmin (PSDB). Depois de eleito vice-governador, ocupou a Secretaria de estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação.

Com a candidatura de Alckmin à Presidência da República em 2018, França assumiu o governo de São Paulo e disputou a reeleição. Classificado para o segundo turno, obteve 48,25% dos votos válidos, mas perdeu para João Dória (PSDB), que foi escolhido por 51,75% dos paulistas.

Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 28 de abril de 2021, 14h23

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 06/05/2021.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.