Consultor Jurídico

má condução do governo

Entidades de trabalhadores pedem ao Supremo lockdown nacional

Uma arguição de descumprimento de preceito fundamental foi ajuizada por 18 entidades representativas de trabalhadores que apontam violação do direito à saúde e à vida na condução das políticas públicas do país para enfrentamento da crise de Covid-19.

Autores apontam falhas do governo do presidente Bolsonaro na contenção da crise
Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

As entidades pedem a determinação liminar de ações como o lockdown nacional e o toque de recolher. Elas citam a ocupação de leitos de UTI superior a 90% e os recordes diários de óbitos.

"Na busca da contenção da pandemia, governos estaduais e municipais têm promovido indispensáveis medidas restritivas, as quais, contudo, são criticadas ou colocadas em dúvida sobre sua eficácia pelas autoridades federais", apontam.

Os autores também pedem a proibição de shows, congressos, atividades religiosas e esportivas e aulas presenciais, o fechamento de bares e praias, a adoção de trabalho remoto sempre que possível, a suspensão dos voos e do transporte interestadual, a redução da superlotação do transporte coletivo e a ampliação e acompanhamento da testagem. Com informações da assessoria do STF.

ADPF 822




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 8 de abril de 2021, 22h11

Comentários de leitores

6 comentários

Entidades de trabalhadores ?

rcanella (Funcionário público)

Eles acham que se tomarem o Estado eles refazem, à sua maneira, as leis naturais, coitados. São meliantes quase todos os nossos dirigentes de sindicatos, associações, Conselhos de Classe (OAB inclusa), etc... "Eles* só querem roubar e pra isso estão dispostos a matar e destruir..."
H. Cecuente

Entidades dos trabalhadores?

Sávio Gonçalves (Procurador do Estado)

O texto não menciona quais seriam as entidades autoras desse absurdo, mas, na pesquisa no sítio do STF, estão a Central Única dos Trabalhadores (CUT), Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil, Nova Central Sindical de Trabalhadores (NCST) e União Geral dos Trabalhadores (UGT). Os seus dirigentes estão garantidos pela estabilidade sindical; e os trabalhadores que precisam de sair de casa de dia para que as suas famílias tenham o que comer à noite?

Entidades de defesa dos trabalhadores?

AC-RJ (Advogado Autônomo)

Com este tipo de entidade, os trabalhadores estão muito mal representados. Entidades que se dizem a favor dos trabalhadores, mas pregam o desemprego, o fechamento de empresas, a miséria e a fome? Se estivessem sinceramente preocupadas com os empregos e a defesa da vida e da saúde, deveriam cobrar dos governadores e prefeitos explicações porque mais de um ano após o início da pandemia chinesa, mesmo tendo recebido vultosos recursos, ainda não se prepararam devidamente e exigir deles providências urgentes.

Pensando!

Karlos Lima (Oficial de Justiça)

Quais entendides? Elas não tem nomes. Ou sera partidos politicos se passando pelas entidades para matar os trabalhadores. Creios que são irresponsáveis e miseraveis, querendo destruir o Brasil e entregar o que sobrar que não será pouco aos comunas!!! Me acode minha mãe. Como dizia o senador Magno Malta.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 16/04/2021.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.