Consultor Jurídico

Sigilo e segurança

Supremo confirma liminar e declara inconstitucional a volta do voto impresso

Retornar ao texto

Comentários de leitores

4 comentários

Recall

Anselmo Souza (Auditor Fiscal)

É urgente que a Constituição seja mudada para permitir o RECALL dos ministros do STF, por voto popular. Inadmissível em uma democracia que um dos Poderes seja imune à julgamento popular.

É isso mesmo?

joaovitormatiola (Serventuário)

Eu confesso que li com pressa e que li mal, mas o fundamento para declarar a inconstitucionalidade do voto impresso é que ele seria um retrocesso? Se for isso mesmo, já imaginou se esse tipo de fundamentação entra na moda? Alguém vai pedir alguma coisa com base numa lei, aí o Judiciário ou a Administração vai negar dizendo que tal coisa é um retrocesso.

Pera lá!

J. Henrique (Funcionário público)

Muito estranho esse argumento do STF! Daqui a 4 anos decidem o contrário se for conveniente.

Tomara que ocorra um apagão no dia da votação

Rejane G. Amarante (Advogado Autônomo - Criminal)

Aí, esses ministros faceiros que fazem julgamentos superficiais iriam ser forçados a entender que a dependência da energia elétrica e da tecnologia é que enfraquece e pode ser um grave risco para todos nós. Lado a lado a urna eletrônica e a urna de lona, o voto em cédulas, um sistema auditando o outro NA PRÁTICA.

Comentar

Comentários encerrados em 24/09/2020.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.