Consultor Jurídico

Nova composição

Ministros Mauro Campbell e Raul Araújo assumem vagas no TSE

Em cerimônia virtual realizada nesta terça-feira (1º/9), o Tribunal Superior Eleitoral empossou como membros efetivo e substituto, respectivamente, os ministros Mauro Campbell Marques e Raul Araújo, designados pelo Superior Tribunal de Justiça.

Ministro Mauro Campbell Marques foi empossado nesta terça (1º/9) como ministro do Tribunal Superior Eleitoral  

O TSE é formado por sete ministros. Três são do Supremo Tribunal Federal, um dos quais é o presidente da corte. Conforme o artigo 119 da Constituição, o TSE tem em sua composição dois ministros do STJ. Cabe ao TSE selecionar o corregedor eleitoral entre os ministros escolhidos pelo STJ. Completam o tribunal dois advogados, nomeados pelo presidente da República a partir de uma lista fornecida pelo STF.

A solenidade de posse foi conduzida pelo presidente do TSE, ministro Luís Roberto Barroso, e contou com a participação do presidente Jair Bolsonaro, dos presidentes do Senado, Davi Alcolumbre, e da Câmara, Rodrigo Maia, de ministros do STJ e outras autoridades.

O presidente do STJ, ministro Humberto Martins, parabenizou os dois colegas e enalteceu sua atuação na consolidação de um Poder Judiciário forte, célere e eficiente.

"Os ministros Mauro Campbell Marques e Raul Araújo vão abrilhantar o trabalho da mais alta corte da Justiça Eleitoral no comando das eleições municipais deste ano. O TSE é referência internacional quanto à lisura, segurança e presteza na organização e apuração dos pleitos eleitorais", destacou o presidente do STJ.

Mauro Campbell Marques já era membro substituto do TSE desde 2018; agora, assumiu a vaga do ministro Og Fernandes em razão do término de seu biênio, em agosto. Campbell é ministro do STJ desde junho de 2008. Atualmente, integra a Corte Especial, a Primeira Seção e a Segunda Turma.

Natural de Manaus, Mauro Campbell se formou em direito pelo Centro Universitário Metodista Bennett (Unibennett) em 1985, tendo sido promotor e procurador de Justiça no estado, onde ocupou por três vezes o cargo de procurador-geral de Justiça.

Raul Araújo, que entrou na vaga de ministro substituto deixada por Campbell, participará das sessões do TSE quando for preciso cobrir a ausência de outro representante do STJ.

Nascido em Fortaleza, Raul Araújo construiu sua carreira acadêmica na Universidade Federal do Ceará. Ele é ministro do STJ há dez anos, onde atua na Corte Especial, na Segunda Seção e na Quarta Turma. Antes, exerceu os cargos de promotor de Justiça, procurador do Estado do Ceará e desembargador do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE). Com informações da assessoria de imprensa do Superior Tribunal de Justiça.

Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 1 de setembro de 2020, 21h10

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 09/09/2020.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.