Consultor Jurídico

Democracia Em Vertigem

Trump poderá nomear ministra para a Suprema Corte antes das eleições de novembro

Retornar ao texto

Comentários de leitores

5 comentários

Novo slogan para o site

rcanella (Funcionário público)

Conjur - O mais completo veículo esquerdizante de informação sobre Direito e Justiça em língua portuguesa.

Quando a juíza é anticomunista...

Marcio Pinheiro Advocacia Tributária (Advogado Autônomo - Tributária)

... é "democracia em vertigem". Quando é comunista, é "festa da democracia". Articulista pode ter ideologia, só não pode falsear a verdade.

Em que pese o anacronismo e o desacerto de tais denominações

João B. (Advogado Autônomo)

"comunista" e "anticomunista" (o mais adequado seria esquerda e direita, porque progressista é um autoelogio que tampouco cabe à ala da esquerda, que de progresso geralmente é só nos costumes, sendo que na economia em geral causam retrocessos), concordo que o texto é tendencioso. Deve ser o desespero de alguns. Desde que facebook e twitter se uniram para esconder o escândalo envolvendo Joe Biden e seu filho, e o claro interesse da China em desbancar Trump, passei a torcer pelo Trumposo, que, embora não seja perfeito, opõe-se ao totalitarismo vislumbrado pela união de China e o big data do facebook.

Suprema corte dos usa

O ESCUDEIRO JURÍDICO (Cartorário)

Amy Vivian Coney Barrett (Nova Orleães, 28 de janeiro de 1972) é uma advogada, jurista, acadêmica e magistrada norte-americana. Atualmente, é juíza da Corte de Apelações dos Estados Unidos para o Sétimo Circuito. Barrett se considera uma originalista e sua filosofia judicial foi comparada à de seu mentor e ex-chefe, Antonin Scalia.
Barrett foi designada para a magistratura em maio de 2017, sendo confirmada pelo Senado em outubro do mesmo ano. Simultaneamente com o exercício da magistratura, atuou como professora da Faculdade de Direto de Notre Dame.[3] Ademais, foi incluída por Trump em sua lista de potenciais indicados para a Suprema Corte. Indicada por Trump para o cargo de juíza associada da Suprema Corte Americana em 26 de setembro de 2020" (Fonte Wikipédia).

Que horror essa Amy...

João Paulo Adv (Funcionário público)

A Dra. Barrett é uma ameaça ao "direito" de exterminar e mutilar o próprio filho no ventre da mãe.... os "liberals" estão apavorados...

Comentar

Comentários encerrados em 23/10/2020.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.