Consultor Jurídico

Boas maneiras

Innovare premia duas práticas e divulga outros 12 finalistas

A comissão julgadora do Prêmio Innovare escolheu as 12 práticas finalistas e os nomes de duas premiadas desta 17ª edição. O Rio de Janeiro foi o premiado "Destaque", com a prática Eixo Direito à Segurança Pública e Acesso à Justiça, sob o tema "Defesa da Liberdade".

O TRT-5 da Bahia foi um dos premiados
Divulgação

Já a Bahia recebeu o prêmio na nova categoria CNJ/Gestão Judiciária, com a prática "Gestão Judiciária — BI/eCorreição". O Distrito Federal vai garantir a premiação na categoria "Advocacia", em que tem duas finalistas.

O Rio Grande do Sul tem três práticas selecionadas e o Acre, duas. Concorrem ainda ao Innovare os estados do Pará, Santa Catarina, Amazonas, Minas Gerais e Ceará, cada um com uma prática.

O resultado será divulgado na cerimônia de premiação, no próximo dia 1 de dezembro.

A escolha foi feita durante videoconferência da comissão julgadora no último dia 26, de que participaram jurados e conselheiros, além dos diretores do Instituto Innovare, Sérgio Renault, Antônio Cláudio Ferreira Netto e Pedro Freitas; e do presidente do Conselho Superior Innovare, o ministro Ayres Britto. Foram selecionadas 646 iniciativas.

O Prêmio Innovare, que está na 17ª edição, destaca as boas iniciativas da área jurídica, idealizadas e colocadas em prática por advogados, defensores, promotores, magistrados e por profissionais interessados em aprimorar a Justiça brasileira, facilitando o acesso da população ao atendimento.

Conheça as práticas escolhidas como finalistas do Prêmio Innovare 2020:

Premiada Destaque
Eixo Direito à Segurança Pública e Acesso à Justiça
Local:
 Rio de Janeiro
Autor: Associação Redes de Desenvolvimento da Maré
Tema: Defesa da Liberdade

Premiada CNJ/Gestão Judiciária
BI/eCorreição
Local:
 Salvador
Autoria: Juiz Firmo Ferreira Leal Neto
Tema: Aprimoramento da gestão judiciária

- Finalistas da categoria Tribunal

Dia do Encontro
Local:
 Rio Grande do Sul
Autoria: Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul
Responsáveis: Juíza Nara Cristina Neumann Cano Saraiva e assistente social Marleci Hoffmeister
Tema: Adoção

Minha escola, meu refúgio
Local: Belém
Autoria: Tribunal de Justiça do Estado do Pará
Responsável: Juíza Mônica Maciel Soares Fonseca
Tema: Abuso sexual infantil

- Finalistas da categoria Juiz

Transação Tributária
Local:
 Blumenau (SC)
Autoria: Juiz Emanuel Schenkel do Amaral e Silva
Tema: Dívidas da arrecadação municipal

Vara do Trabalho de Plácido de Castro (AC)
Reprodução

Judiciário humanizado e sem fronteiras
Local: Plácido de Castro (AC)
Autoria: Juíza Christiana d'Arc Damasceno Oliveira Andrade Sandim (Vara do Trabalho de Plácido de Castro)
Tema: Atendimento Jurídico telepresencial no Acre

- Finalistas da categoria Ministério Público

Comissão de Alimentos Tradicionais dos Povos no Amazonas (Catrapoa)
Local: Manaus
Autoria:
procurador da República Fernando Merloto Soave
Tema: Alimentação regionalizada nas escolas

Rede de monitoramento da qualidade do ar no estado do Acre
Local: Rio Branco
Autoria: Procuradora de Justiça Rita de Cássia Nogueira Lima
Tema: Monitoramento do ar

- Finalistas da categoria Defensoria Pública

Defesa das garantias pré-processuais dos detidos em flagrante no âmbito da Delegacia de Polícia
Local: 
Porto Alegre
Autoria: Defensora Pública Alessandra Quines Cruz
Tema: Direitos humanos

Reparação dos danos individuais decorrentes do rompimento da barragem 1 da mina do córrego do Feijão (Brumadinho)
Local: Belo Horizonte
Autoria: Antônio Lopes de Carvalho Filho
Tema: Rompimento da Barragem de Brumadinho

- Finalistas da categoria Advocacia

Implantação do Sistema de Inteligência Jurídica da AGU (Sapiens)
Local: 
Brasília
Autoria: Procurador Federal Eduardo Alexandre Lang
Tema: Inteligência artificial

Rating da dívida ativa e ajuizamento seletivo de execuções fiscais
Local: Brasília
Autoria: procuradores da Fazenda Nacional Daniel de Saboia Xavier, Cristiano Neuenschwander Lins de Morais e Anelize Lenzi Ruas de Almeida e analista Ana Julia de Paiva Bandeira Pessoa.
Tema: Dívida Ativa da União

- Finalistas da categoria Justiça e Cidadania

Aprendizagem profissional como alternativa ao combate do trabalho infantil no meio rural
Local:
 Santa Cruz do Sul (RS)
Autoria: Associação Instituto Crescer Legal
Responsável: Nádia Fengler Solf, gerente do Instituto
Tema: Trabalho infantil

Projeto Campanha Ceará sem Racismo — Respeite minha história, respeite minha diversidade
Local: Fortaleza
Autoria: Secretária da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos do Estado do Ceará, Maria do Perpétuo Socorro França Pinto; e Coordenadora Especial de Políticas para a Igualdade Racial, Maria Zelma de Araújo Madeira
Tema: Discriminação Racial




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 9 de novembro de 2020, 10h16

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 17/11/2020.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.