Consultor Jurídico

Notícias

Luto na advocacia

Morre o advogado Iberê Bandeira de Mello, que atuou durante a ditadura

Reprodução

Morreu, nesta segunda-feira (2/3), o advogado Iberê Zeferino Bandeira de Mello, que atuou na defesa de presos políticos durante a ditadura militar. Além disso, foi conselheiro federal da Ordem dos Advogados do Brasil e da OAB São Paulo.

Devido a sua atuação, foi detido algumas vezes durante a ditadura, sendo obrigado a prestar esclarecimentos sobre sua atividade profissional

Em entrevista ao Memorial da Resistência de São Paulo, Iberê Bandeira de Mello afirmou que sua atuação como advogado de presos políticos não teve motivação essencialmente política, mas humanista.

Em nota de pesar, a OAB-SP lembrou a trajetória do advogado: "A trajetória de Bandeira de Mello é marcada pela defesa de presos políticos durante o período da ditadura militar e por atuação institucional na OAB São Paulo como conselheiro Secional e federal, além de integrante da Comissão de Direitos Humanos. Na vida pública, atuou como secretário dos Negócios Extraordinários durante gestão de Mário Covas na prefeitura paulistana".

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva também publicou nota de pesar: "Iberê Zeferino Bandeira de Mello é e sempre será uma referência de como o exercício da advocacia pode servir de resistência ao arbítrio dos que usam o poder contra a democracia", afirmou Lula.

Assista a entrevista de Iberê para a exposição Advogados da Resistência. O direito em tempos de exceção, do Memorial da Resistência de São Paulo: 

Revista Consultor Jurídico, 3 de março de 2020, 13h09

Comentários de leitores

2 comentários

Advogados dignos

Adir Campos (Advogado Autônomo - Administrativa)

Advogados como ele, Sobral Pinto, Evandro Lins e outros talvez não sejam a maioria, notadamente nas noites escuras das ditaduras, mas dignificam o papel do advogado e sua luta pelo direito.

Responder

Um justo!

toron (Advogado Sócio de Escritório)

Grande nome da advocacia; lutou bravamente na defesa dos direitos dos presos políticos. Deixa um legado de dignidade e generosidade! Descansa entre os justos e deixará muitas saudades.
Toron

Responder

Comentários encerrados em 11/03/2020.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.