Consultor Jurídico

Ligação inexistente

Juíza condena Jornal da Cidade Online a indenizar desembargadora em 80 mil

Retornar ao texto

Comentários de leitores

4 comentários

Privilégio!

Car.Borges (Bacharel)

Quando o impetrante é um colega vejo que as decisões são de um rigor digno de nota, o judiciário muito longe dos anseios de equidade da sociedade Brasileira.

Justiça Seletiva

Manuel Santiago (Jornalista)

A história se repente. Os juízes e promotores são mais cidadãos que os demais. Até quando?

Jornal condenado

José Luís ozorio gallucci (Outros)

Quando há erro judicial em todas as esferas do judiciário, o causador não deveria também indenizar a vítima, descontando-se do seu próprio holerith . Indo um pouco além, tbem nos casos de prescrição de inúmeros processos judiciais. Fica a dúvida se realmente somos uma democracia ?.

Seletividade descarada

Quantus tremor est futurus (Advogado Associado a Escritório - Trabalhista)

Primeiro, a errata extremamente tempestiva torna no mínimo questionável a alegação de dano. Enquanto isso, em qualquer ação de dano moral o episódio não passaria de um "mero dissabor". Mas a pergunta que não quer calar é: será que a Folha também foi processada? Parece que a única "culpa" do referido jornal foi não ter por trás toda a estrutura de influência política e manipulação da verdade que ampara os veículos da grande imprensa. E também ter aberto mão do cinismo sistemático ao empreender um ato de imperdoável sinceridade, enquanto os grandes jornais sabem muito bem que jamais estão errados.

Comentar

Comentários encerrados em 2/07/2020.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.