Consultor Jurídico

Crimes virtuais

Juiz do DF manda soltar um dos suspeitos de hackear celulares de autoridades

Por 

O juiz federal substituto Ricardo Augusto Soares Leite,da 10ª Vara Criminal da Seção Judiciária do Distrito Federal, determinou nesta quarta-feira (22/1) a soltura de Danilo Cristiano Marques, acusado, junto com outras seis pessoas, de ser "testa de ferro" do hacker Walter Delgatti Neto, o "Vermelho". 

Suposto haker foi preso na operação 'spoofing'

Leite determinou que ele use tornozeleira e se abstenha de usar a internet e aplicativos de mensagem. Danilo estava detido desde junho de 2019.

A denúncia, feita pelo Ministério Público Federal nesta terça-feira (21/1), afirma que os envolvidos invadiram ou auxiliaram a invasão de celulares de autoridades. Entre os denunciados está o jornalista do The Intercept Brasil, Glenn Greenwald. 

O juiz afirma que a prisão provisória pretendia "resguardar a colheita, perícia e não destruir as provas produzidas — já que são crimes virtuais". No entanto, o magistrado entendeu que a liberdade de Danilo "não afetará o andamento das investigações, já concluídas, e não ensejará risco de continuidade da prática delitiva". 

Ainda de acordo com o juiz, "neste momento processual, as medidas cautelares diversas da prisão cumprem seu papel de manter o denunciado vinculado ao processo e de inibir a reiteração delitiva, resguardando assim a ordem pública e a prova produzida". 

Clique aqui e leia a decisão
1000895-60_2020.4.01.3400

Topo da página

 é repórter da revista Consultor Jurídico.

Revista Consultor Jurídico, 22 de janeiro de 2020, 18h05

Comentários de leitores

1 comentário

a denúncia não será recebida em relação a Glenn

Patricia Ribeiro Imóveis (Corretor de Imóveis)

Visto que se cuida de juiz que analisa denúncia antes de recebê-la ou não e sendo fato notório a proibição do STF de responsabilização de Glenn, certamente o juiz não receberá a denúncia.
A conferir.

Comentários encerrados em 30/01/2020.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.