Consultor Jurídico

Direto da Corte

Emmanoel Pereira assume Corregedoria Nacional interinamente

Emanoel Pereira assume a Corregedoria Nacional interinamente Gil Ferreira/Agência CNJ

O ministro do Tribunal Superior do Trabalho e conselheiro do Conselho Nacional de Justiça, Emmanoel Pereira, assumiu, nesta sexta-feira (17/1), interinamente, a Corregedoria Nacional de Justiça.

Pereira responderá pelos trabalhos correcionais do CNJ no período de férias do corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins, que vai até o dia 31 de janeiro.

A coordenação do grupo de estudos que trata do juiz das garantias e da normatização da lei 13.964/2019 permanece a cargo do ministro Humberto Martins que, com a prorrogação dos prazos pelo presidente do CNJ, ministro Dias Toffoli, terá até o dia 29/2 para apresentar proposta de implementação da norma.

A indicação de Emmanoel Pereira para exercer, como substituto, as atribuições de corregedor nacional de Justiça, consta da Portaria 36/2019 da Corregedoria Nacional de Justiça, publicada em setembro de 2019. Com informações da assessoria de imprensa do CNJ.

Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 17 de janeiro de 2020, 11h10

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 25/01/2020.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.