Consultor Jurídico

Biênio 2020-22

Tânia Reckziegel, do TRT-4, toma posse como conselheira do CNJ

Desembargadora Tânia Regina Reckziegel
TRT-4

A desembargadora Tânia Regina Silva Reckziegel, do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região, tomou posse como conselheira do Conselho Nacional de Justiça nesta segunda-feira (17/2).

É a primeira mulher a ocupar a cadeira de conselheira na vaga destinada a desembargadores da Justiça do Trabalho desde que o CNJ foi criado, há 15 anos.

A solenidade ocorreu em Brasília e contou com a presença da presidente do TRT-RS, desembargadora Carmen Izabel Centena Gonzalez.

A desembargadora assume mandato de dois anos, no período 2020-2022, e passa a ser uma das três representantes da Justiça do Trabalho no órgão. Na mesma solenidade, também foi empossada conselheira a juíza do Trabalho Flávia Guimarães Pessoa, da 4ª Vara do Trabalho de Aracaju (SE).

Além das magistradas, a Justiça do Trabalho também é representada no CNJ pelo ministro do TST Emmanoel Pereira, que tomou posse como conselheiro no dia 16 de setembro de 2019.

O Pleno do Tribunal Superior do Trabalho (TST) elegeu Reckziegel e Pessoa para as vagas do CNJ destinadas a magistrados de segundo e primeiro grau da Justiça do Trabalho no dia 24 de setembro do ano passado.

As indicações foram aprovadas pela Comissão de Constituição e Justiça do Senado Federal em uma sabatina realizada no dia 5 de novembro e pelo plenário do Senado Federal no dia 11 de dezembro.

A nomeação da desembargadora Reckziegel foi publicada no Diário Oficial da União no dia 29 de janeiro.

Nascida no Rio de Janeiro, a desembargadora formou-se em Ciências Sociais e Jurídicas na Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), tem mestrado em Direitos Sociais e Políticas Públicas pela Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc), especialização em Gestão Pública pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), e é doutoranda em Ciências Jurídicas pela Universidad del Museo Social Argentino.

Reckziegel entrou no TRT-RS em outubro de 2012 pelo quinto constitucional, em vaga destinada à advocacia. Atualmente, vinha atuando na 1ª Seção de Dissídios Individuais e na 2ª Turma Julgadora do TRT-RS.




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 18 de fevereiro de 2020, 15h02

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 26/02/2020.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.