Consultor Jurídico

Artigos

Opinião

Ministro Sergio Moro demonstra desconhecer regras de publicidade infantil

Comentários de leitores

1 comentário

Ministro fraco

Proofreader (Outros)

O desconhecimento retratado no artigo não espanta, pois dito auxiliar do Executivo é fraco juridicamente, além de ter um português, tanto falado quanto escrito, simplesmente sofrível (a exemplo das recorrentes flexões do verbo haver praticadas — "haviam", "houveram", "haverão", no sentido de "existir" —, para ficar só nisso). Enfim, alguém de poucas letras, a despeito da imagem artificialmente criada pela mídia. E fala-se em indicá-lo ao Supremo. Certamente lá continuará, de forma mais contundente, sua campanha política, por meio do populismo penal a que diariamente se dedica. Que o Senado cumpra seu papel e o rejeite.

Comentar

Comentários encerrados em 22/02/2020.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.