Consultor Jurídico

Porta giratória

Tribunal de Ética da OAB-SP proíbe Moro de advogar para Alvarez & Marsal

Retornar ao texto

Comentários de leitores

23 comentários

Há ética quando o tribunal de ética patrulha advogado?

DAGOBERTO LOUREIRO - ADVOGADO E PROFESSOR (Advogado Autônomo)

O caso é de claro e indisfarçável patrulhamento contra o advogado Sérgio Moro. O nome certo disso é abuso de poder e desfaçatez. Dirigir-se a um advogado e dizer-lhe o que pode e o que não pode fazer, antes mesmo de que começe a cumprir suas obrigações contratuais, é uma intromissão indevida e grosseira.
Pelos seus antecedentes, pelo seu curriculum, pela sua história, o advogado em questão conhece as leis do País e são estas que delimitam sua atuação, balisando suas atividades profissionais, e não a fala extemporânea de quem utiliza a nobreza de uma instituição fulcral para pontificar perante uma parcela de advogados que não tem o apoio de toda a classe.
Nesse passo, há um conúbio tendencioso e comprometedor entre a OAB e certo grupo de criminalistas contratados para a defesa dos chamados alvos da Operação Lava-Jato, que mancharam o bom nome de nosso País. Corre muito dinheiro nessa área e os ladrões dos cofres públicos, alguns dos quais foram encarcerados e tiveram que devolver ao Erário uma pequena parte do que surrupiaram, graças a uma atuação brilhante, destacada, pioneira, sobretudo imparcial de Sérgio Moro, como Juiz Federal, cargo que sempre honrou e exerceu com vasta proficiência e destemor, esses meliantes, que conseguiram soltura por uma decisão equivocada da Suprema Corte, babando de ódio, agora querem vingança, custe o que custar.
Se o Sr. Presidente do Tribunal de Ética pretende agir contra os causídicos que estão em condições de delinquir, de contrariar a lei, deveria se dirigir aos patronos dos corruptos lembrando-os de que o dinheiro que recebem de sua milionária clientela é proveniente de crime, de modo que devem se abster dessa prática condenável.

Usurpação

Cláudio Ricardo Alves de Araújo (Advogado Assalariado - Tributária)

Qual a competência do TED-OAB-SP sobre o registro de um profissional do Paraná?

Ele não pode defender?

Rubens R. A. Lordello (Advogado Autônomo - Civil)

Ora, no texto diz que ele não vai exercer a advocacia para a empresa.
Se ele se estabelecesse em banca própria não poderia advogar para um acusado?
Como iria viver??

O Brasil não é para amadores.

Severino caetano da Costa (Outros)

Moro vai fazer consultoria das empresas que ele ajudou a destruir,só a Odebrecht demitiu mais de 300 mil funcionários,realmente o Brasil não é para amadores.

Tribunal de Ética da OAB-SP proíbe Moro de advogar para Alva

Henrique margy (Professor Universitário - Civil)

Penso que a decisão do TED está correta. Se o magistrado condenou alguém pela prática de crimes ou ilícitos é porque se convenceu da atitude antijurídica. Agora como advogado acessorar tais pessoas ou, empresas não me parece éticamente correto.

Chover no molhado

Lcsattamini (Engenheiro)

Lacração. Se as empresas de consultoria não podem prestar serviços jurídicos (reserva de mercado) então nem Moro nem ninguém pode, pela empresa. Depois do fiasco, passei a desprezar Moro, mas ele deveria simplesmente pegar a carteira da OAB eandar esses caras, bem, completa aí

Seja bem vindo!

ALv.com (Administrador)

Sr Presidente, seja muito bem vindo.
O Brasil espera pelo senhor

É para isso que serve uma instituição robusta como a

João B. (Advogado Autônomo)

nossa valorosa OAB. Parabéns!
P.S.: gostei da parte que o ministério das relações exteriores foi rechaçado em seu pleito servil.

Aos vencedores, as batatas!

Marcelo-Advogado (Advogado Autônomo - Consumidor)

Lembrei das consultorias de Palocci e José Dirceu. Lembrei também dos advogados filhos de ministros deitando e rolando nos processos em que seus pais serão os julgadores... a, lembrei também dos filhos de ministros assumindo cargos de desembargadores em TRF’s. Que país!!!

Estranho

Lupes (Consultor)

Me expliquem doutores da lei:
Como se pode trabalhar para aqueles que você condenou??
Como é possível receber proventos de pessoas que vc condenou por roubarem do erário público, e colocar na cadeia seus líderes??? Só isso!!!

Ele não foi condenado por nada

PAULO FRANCIS (Advogado Sócio de Escritório - Civil)

MORO não tem nenhuma condenação que tire sua idoneidade moral. Isto cheira perseguição. Ví coisa muito pior quando fui Conselheiro e não ví este tipo de "persecutio" salvo quando havia condenação penal.

Não existe pena perpétua

PAULO FRANCIS (Advogado Sócio de Escritório - Civil)

Só em caso de deter informação sigilosa o que não existe pois os processos da LAVA JATO são todos públicos. E acho que já decorreu 03 anos de seu afastamento da Magistratura, ou seja, cumpriu quarentena.

Aprendi aqui na Conjur

Radbruchiano (Médico)

que o nome disso é LAWFARE

Inédita!!!

Roberto II (Advogado Autônomo)

Uma decisão inédita!!!

Tribunal?OAB?

AGIL CONTABILIDADE (Contabilista)

Eu não imaginava que a nossa OAB tão preocupada com os Direitos Individuais, tivesse um Tribunal la dentro.

Afinal, vindo da OAB não podemos esperar muita coisa.

Vergonhoso

Pedro Rangel (Outros)

Nada mais coerente para um sócio benemérito

Decisão (im)parcial

Roberto L Oliveira (Engenheiro)

Será que esta tal ted da oab SP tratará ou advertirá na mesma medida e na mesma rapidez algumas bem conhecidas bancas que, conforme recente destaque na imprensa, se locupletaram com milhões de Reais por terem perpetrado diversas graves irregularidades destacadas e apuradas na Operacão E$quema $ (lembrando Fecomércio, advogados filhos de ministros, et caterva )??? Acho que vou esperar sentado kkk.

Ridículo

Leandro Costa Quirino (Outros)

Esse senhor não percebeu que ninguém dá valor a ele ! Seja para os de direita ou de esquerda !

Doutor sérgio f. Moro

O ESCUDEIRO JURÍDICO (Cartorário)

É evidente o conflito de interesses entre o Doutor Moro e os clientes de seu novo patrão.

O Patrão

Emilio Roberto Topel Konrath (Outros)

Desculpe meu amigo, mas não é um novo patrão, é o mesmo de sempre, o que patrocinou ele para avançar com a indústria do nosso país.

Comentar

Comentários encerrados em 10/12/2020.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.