Consultor Jurídico

Caso Wilson Witzel

Afastamento cautelar de governador por decisão monocrática é controverso

Retornar ao texto

Comentários de leitores

4 comentários

A porteira derrubada.

Fran Jose365 (Advogado Autônomo - Civil)

Depois q o stf "reescreveu" a Constituição, com caneta BIC vermelha, e conduz o "Inquérito do Fim do Mundo" e de outras severas anomalias jurídicas recentes, não dá para reclamar de mais Nada. Por onde passa um Inquérito Feiqui, passa tudo. E quem silenciou frente a tais ataques à CF, não tem razão para reclamar agora.
Pobre RJ. Pobre Brasil.

A porteira derrubada.

Fran Jose365 (Advogado Autônomo - Civil)

Depois q o stf "reescreveu" a Constituição, com caneta BIC vermelha, e conduz o "Inquérito do Fim do Mundo" e outras severas anomaLias jurídicas recentes, não dá para reclamar de mais Nada. NADA. E quem silenciou frente a tais ataques à CF, não tem razão para reclamar agora.
Pobre RJ.

Sim. É muito controverso, mas...

Trajano Neves (Contabilista)

É patente o ativismo judicial no Brasil.
Mas, se houvesse uma consulta popular, a população fluminense gritaria uníssona: DEMOROU!!!!
Witzel ainda tem um trunfo imbatível: a Segunda Turma está sempre disponível.

Título confuso e desconexo

Andre Avila (Bacharel)

A reportagem é de excelente qualidade, como é próprio da Conjur, porém o título é confuso e foge do assunto do texto. Em nenhum momento houve a discussão de medida cautelar adotada por Ministro do STJ DEVE ser referendada pelo colegiado para começar a valer.
Antes a discussão se circunscreve no poder que a Constituição garante ao STJ em adotar medidas cautelares contra Governadores. Talvez um título melhor seria: DECISÃO/MEDIDA CAUTELAR CONTRA GOVERNADOR É CONTROVERSA, DIZEM CONSTITUCIONALISTAS...

Comentar

Comentários encerrados em 5/09/2020.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.