Consultor Jurídico

Comentários de leitores

6 comentários

Sugestão

Rejane G. Amarante (Advogado Autônomo - Criminal)

Dr. Godoy, permita-me sugerir que, doravante, o senhor faça um "post scriptum" nas suas colunas com uma lista de cinco livros essenciais para o estudante ou profissional do Direito com breve indicação sobre o conteúdo. Compartilhe conosco a sua vasta cultura.

Provocação!

amigo de Voltaire (Advogado Autônomo - Civil)

O assunto provoca. Mais do que "Dos delitos e das penas" e " O caso dos exploradores de caverna" verdadeiros BBBs dos cursos de direito, é duro imaginar que os estudantes de direito saem hoje da faculdade sem saber quem foi Kant - não , não foi o goleiro da Alemanha no 7 x 1! e, por falar em clássicos, sem ter lido "Crime e castigo". Todo mundo deveria em algum momento da vida ter esse prazer, mas entre os advogados mais que um deleite é um verdadeiro imperativo profissional.

não precisei ler na faculdade

cezar rodrigues o estatutario (Bacharel - Administrativa)

Ja pensou, fiz uma faculdade que em 5 anos me cobrou 2 livros, o processo e o caso dos exploradores de caverna.
Triste isso, uma geração que não lê,
Por obvio sendo a leitura minha amiga desde a adolescência nunca me abandonou. Mas o nível do ensino superior nas faculdades particular só faz aumentar a horda dos ignorantes diplomados.

Ler os clássicos

Plinio G. Prado Garcia (Advogado Sócio de Escritório)

Cumprimento o autor pela iniciativa de seu artigo e pela clara demonstração de seu conhecimento literário, ao citar tantas e relevantes obras de tantos outros autores de obras clássicas. Que o exemplo seja seguido.

Ítalo calvino

O IDEÓLOGO (Cartorário)

"Italo Calvino (Santiago de las Vegas, 15 de outubro de 1923 — Siena, 19 de setembro de 1985) foi um dos mais importantes escritores italianos do século XX. Nascido em Cuba, seus pais eram cientistas italianos que estavam de passagem pelo país, a sua família retornou à Itália logo após o seu nascimento. Sua literatura é considerada sincera, delicada e extremamente ágil.
Formado em Letras, iniciou o curso de Agronomia, mas abandonou o curso e foi participar da resistência ao fascismo durante a Segunda Guerra Mundial. Após a guerra conheceu diversos militantes comunistas, passou a trabalhar no jornal comunista L’Unità e na editora Einaudie. Foi membro do Partido Comunista Italiano até 1956, tendo se desfiliado em 1957. A sua carta de renúncia ficou famosa em 1957.
Sua primeira obra foi Il sentiero dei nidi di ragno (A trilha dos ninhos de aranha no Brasil e O atalho dos ninhos de aranha em Portugal), publicada em 1947. Uma de suas obras mais conhecidas é Le città invisibili (As cidades invisíveis), de 1972, tendo como personagens Marco Polo e Kublai Khan.
Calvino morreu de hemorragia cerebral em Siena, Itália, em 19 de setembro de 1985" (Fonte Wikipédia).

Porque deveria ser obrigatório

Rejane G. Amarante (Advogado Autônomo - Criminal)

Em todas as faculdades de Direito e concursos públicos, deveriam ser obrigatórias questões de prova sobre determinados livros imprescindíveis à formação jurídica. Simples assim. Não adianta esperar a iniciativa de professores e alunos. Quem vai fazer a lista dos clássicos ? Todos nós da área jurídica deveríamos ser convocados para uma eleição. O tempo "ruge", a cultura jurídica está em risco de não sobreviver.

Comentar

Comentários encerrados em 4/05/2020.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.