Consultor Jurídico

Notícias

Afastamento por doença

STJ convoca desembargador próximo de Moro para licença de Felix Fischer

Por 

O Superior Tribunal de Justiça convocou nesta segunda-feira (23/9) o desembargador Leopoldo Raposo, do Tribunal de Justiça de Pernambuco, para ocupar o lugar do ministro Felix Fischer, na 5ª Turma e na 3ª Seção do STJ, que está afastado da corte por motivo de saúde.

Leopoldo Raposo julgará pedidos da desfesa do ex-presidente Lula no STJ
OAB-PE

O ministro está de licença médica desde julho para tratar de uma embolia pulmonar. Na Corte Especial, o ministro Paulo de Tarso Sanseverino foi convocado para ocupar a vaga de Fischer.

Com a substituição, caberá a Raposo cuidar do acervo do gabinete do relator titular da operação em torno da 13ª Vara Criminal Federal de Curitiba.

Isso inclui um recurso no qual a defesa do ex-presidente Lula pede para mudar de regime e continue a cumprir a pena no caso do tríplex em regime aberto, em casa.

Não é a primeira vez de Raposo no STJ. Ele já esteve no tribunal em 2015 para substituir o desembargador Walter de Almeida Guilherme, de São Paulo, também convocado para tapar buraco, que se aposentou naquele ano.

Raposo é formado pela Universidade Católica de Pernambuco (1973) e pós-graduado em Administração Pública pela Escola de Serviços Urbanos, ligada à Presidência da República.

O desembargador começou sua carreira em 1981, nas comarcas de Poção e Pesqueira, e chegou ao Recife em 1985, onde exerceu o cargo de juiz titular da 1ª Vara de Sucessões e Registros Públicos.

É um magistrado próximo do ex-juiz Sergio Moro, hoje ministro da Justiça, e responsável pela "lava jato" em Curitiba. A expectativa, portanto, é que ele adote postura semelhante à de Fischer durante sua convocação.

 é repórter da revista Consultor Jurídico.

Revista Consultor Jurídico, 23 de setembro de 2019, 15h39

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 01/10/2019.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.