Consultor Jurídico

Notícias

Nova composição

Luis Felipe Salomão e Benedito Gonçalves são escolhidos para vagas no TSE

Salomão, que já era substituto no TSE, agora será ministro efetivo na corte STJ

O Pleno do Superior Tribunal de Justiça aprovou, por unanimidade, o nome do ministro Luis Felipe Salomão como ministro efetivo do Tribunal Superior Eleitoral para o biênio 2019-2021 e, para o mesmo período, o nome do ministro Benedito Gonçalves como ministro substituto.

Salomão, que era ministro substituto na corte eleitoral, assumirá em outubro a vaga do ministro Jorge Mussi, eleito para o biênio 2017-2019.

Luis Felipe Salomão, natural de Salvador, é ministro do STJ desde junho de 2008. Atualmente, integra a Corte Especial, a Segunda Seção e a Quarta Turma.

Benedito Gonçalves será ministro substituto no TSE no biênio 2019-2021 STJ

Benedito Gonçalves é natural do Rio de Janeiro e atua como ministro do STJ desde setembro de 2008. Ele integra atualmente a Corte Especial, a 1ª Seção e a 1ª Turma.

O TSE é formado por sete ministros. Três são do Supremo Tribunal Federal, um dos quais é o presidente da corte. Conforme o artigo 119 da Constituição Federal, o TSE tem em sua composição dois ministros do STJ. Cabe ao TSE escolher o corregedor eleitoral dentre os ministros designados pelo STJ. Completam o tribunal dois juristas oriundos da classe dos advogados, nomeados pelo presidente da República. Com informações da assessoria de imprensa do STJ.

Revista Consultor Jurídico, 11 de setembro de 2019, 16h04

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 19/09/2019.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.