Consultor Jurídico

Comentários de leitores

4 comentários

PJe e Certificado Digital

João B. (Advogado Autônomo)

O E-proc e, pro exemplo, o E-Themis do TJ/RS prescindem (não necessitam) de certificação digital, ao contrário do PJe.
Quem ganha com a exigência de COMPRARMOS um certificado digital e renová-lo a cada 3 anos? São R$ 130 reais, mais R5 50 pelo Tokken. Calcule isso por um milhão de advogados, e ficará mais claro que o interesse, no caso, é unicamente financeiro, nada a ver com segurança digital.

Questão de Hierarquia

Levy Moicano (Jornalista)

Isto é uma questão de hierarquia. O TJSC tem que obedecer o CNJ.
Mas o CNJ tem que obedecer as decisões da OAB.

Nem precisa ir tão longe

incredulidade (Assessor Técnico)

Os próprios TJs não conseguem uniformizar seus procedimentos e layouts.
Cada vara faz como quer, pois não se pode limitar o poder de nenhum magistrado.
Ai vc vê o desperdício de dinheiro.
Liberdade do juiz é na interpretação da lei, não na organização administrativa, visto que a esmagadora maioria deles não tem preparo técnico para exercer atribuições administrativas.
Mas aí seria admitir que os doutos são falíveis e limitados, o que deve ser doloroso

Presidente bolsonaro

O IDEÓLOGO (Cartorário)

Realmente, a Democracia não cabe na sociedade brasileira.
Cada um faz o que quer.
A autoridade não é respeitada.
Entendo, agora, a vitória do Bolsonaro. Somente um Militar para desfazer a bagunça em terras tapuias.
O TJSC desrespeita determinação do STF e fica por isso mesmo.
Deveria o Presidente do STF convocar o Exército e prender os Desembargadores do TJSC.

Comentar

Comentários encerrados em 5/11/2019.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.