Consultor Jurídico

Notícias

Correspondências Trocadas

MPF-PR denuncia gerente de grupo de Nelma Kodama por evasão de divisas

Por 

Denúncia do MPF é assinada por Deltan e mais quatro procuradores da República
Fernando Frazão/Agência Brasil

O Ministério Público Federal do Paraná apresentou denúncia nesta segunda-feira (28/10) contra Célio Rocha Mattos Neto por participação em organização criminosa, operação de instituição financeira irregular, gestão fraudulenta e evasão de divisas.

Segundo o MPF, Neto era o gerente de transações internacionais do grupo comandado pela doleira Nelma Kodama. E teria sido um dos responsáveis pela simulação de importações para países como China, Israel, Hong Kong, Itália, Taiwan, Espanha, Reino Unido, Índia e Chile para justificar a quantidade de dinheiro ilegalmente enviado ao exterior.

Conforme a denúncia apresentada, a organização teria movimentado US$ 60.096.211,28 entre janeiro de 2012 e março de 2014 por meio de operações de câmbio envolvendo empresas e offshores de fachada.

O Ministério Público aponta como indícios da participação de Neto na organização correspondências trocadas com clientes e outros membros do grupo. Além do pedido de prisão, o MPF pede reparação de danos no valor de US$ 3.004.810,56.

Clique aqui para ler a denúncia
5058796-32.2019.4.04.7000

 é repórter da revista Consultor Jurídico.

Revista Consultor Jurídico, 28 de outubro de 2019, 23h17

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 05/11/2019.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.