Consultor Jurídico

Notícias

alvará de soltura

Gilmar Mendes substitui prisão de doleiro por fiança de R$ 5 milhões

Por 

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, derrubou  o decreto de prisão contra o doleiro Nissim Chreim e determinou a substituição por fiança de R$ 5 milhões. A decisão é da sexta-feira (18/10). 

Gilmar troca prisão de doleiro por fiança de R$ 5 milhões
Dorivan Marinho/SCO/STF

Chreim é acusado de evasão de divisas, por, segundo o Ministério Público Federal, ter enviado dinheiro desviado para o exterior, num caso envolvendo o ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral (MDB). O doleiro é defendido pelo criminalista Alberto Zacharias Toron.

"Defiro a liminar para substituir a prisão preventiva decretada em desfavor do paciente pelas seguintes medidas cautelares: fiança no valor de R$ 5 milhões, entregar seus passaportes à Secretaria do Juízo, no prazo de 48 horas após o desembarque no País, proibição de manter contato com os demais investigados, com exceção de seus familiares", diz Gilmar, na decisão. 

HC 177.246

 é correspondente da revista Consultor Jurídico em Brasília.

Revista Consultor Jurídico, 20 de outubro de 2019, 11h34

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 28/10/2019.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.