Consultor Jurídico

Notícias

Nova direção

Juiz Clovis Santinon é eleito presidente do Tribunal de Justiça Militar de SP

O juiz Clovis Santinon foi eleito como presidente do Tribunal de Justiça Militar do Estado de São Paulo para os anos de 2020 e 2021. O magistrado Paulo Adib Casseb será o vice-presidente e o corregedor-geral, Avivaldi Nogueira Junior. O juiz Fernando Pereira será o diretor da Escola Judiciária Militar.

Santinon é bacharel em Direito pela UNIFIEO

Santinon nasceu em Porto Feliz (SP), no dia 08 de março de 1955, filho de Lupercio Santinon e Lourdes Pigozzo Santinon, ingressou na Polícia Militar do Estado de São Paulo, como Cadete da Academia de Oficiais em 21 de maio de 1973, declarado Aspirante a Oficial pela Academia de Polícia Militar do Barro Branco no ano de 1975, galgou todos os postos da Corporação e foi promovido ao Posto de Coronel da Polícia Militar em 24 de agosto de 2001.

No posto de Coronel PM exerceu as funções de Comandante do Centro de Formação de Soldados, Comandante do Policiamento de Área Cinco – Zona Oeste da Capital, Diretor de Sistemas e Corregedor da Polícia Militar.

Formado no Curso Superior de Administração de Empresas pela Faculdade São Judas Tadeu em São Paulo, Professor de Educação Física pela Escola Superior de Educação Física da Polícia Militar de São Paulo, Bacharel em Direito UNIFIEO (Centro Universitário Fundação Instituto de Ensino para Osasco), formou-se em 1986.

Recebeu, dentre outras condecorações, as Medalhas: Sesquicentenário da Polícia Militar do Estado de São Paulo; Pedro de Toledo, Constitucionalista e MMDC, concedidas pela Sociedade Veteranos de 32; Brigadeiro Rafael Tobias de Aguiar; Santos Dumont, da Força Aérea Brasileira; Ulisses Guimarães, da Ordem dos Parlamentares do Brasil; Centenário do Corpo de Bombeiros, Medalha do Sesquicentenário da Revolução Liberal de Sorocaba e Cinquentenário do Policiamento Rodoviário.

Foi nomeado Juiz do Tribunal de Justiça Militar por decreto do Governador publicado no dia 26 de maio de 2006, tendo tomado posse no dia 29 do referido mês e ano; exerceu o cargo de Corregedor Geral da Justiça Militar nos biênios 2008/2009 e 2014/2015 e de presidente do Tribunal de Justiça Militar do Estado de São Paulo no período de 2010/2011. Atualmente integra a 2ª Câmara do TJM/SP e exerce a função de Diretor da Escola Judiciária Militar (Biênio 2018/2019). Com informações da Assessoria de Imprensa do TJM-SP. 

Revista Consultor Jurídico, 24 de novembro de 2019, 18h03

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 02/12/2019.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.