Consultor Jurídico

Notícias

Promessa é dívida

31 delatores devem R$ 120 milhões das multas previstas nos acordos, diz jornal

Dos 217 colaboradores que tiveram acordos de delação premiada homologados pelo Supremo Tribunal Federal, 31 não pagaram as multas  e a dívida está em R$ 120,8 milhões. Os dados foram divulgados pelo jornal O Estado de S. Paulo, que os obteve por meio do Sistema de Monitoramento de Colaborações (Simco), do Ministério Público Federal.

O sistema, acessível apenas a membros do MPF, não divulga a lista dos nomes de quem não pagou a multa. Mas, segundo o jornal, um dos devedores é o ex-senador Delcídio do Amaral. Já o empresário Marcelo Odebrecht quitou R$ 73 milhões à vista. 

Já foram pagos em multas R$ 737,2 milhões. Também já foram devolvidos à Justiça R$ 385,6 milhões em perdimento de bens, como confisco de veículos e imóveis, o que totaliza R$ 1,12 bilhão recuperado. 

Revista Consultor Jurídico, 24 de junho de 2019, 17h54

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 02/07/2019.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.