Consultor Jurídico

Notícias

situação de emergência 

CNMP abre procedimento para acompanhar situação em presídio de Altamira (PA)

O Conselho Nacional do Ministério Público instaurou um procedimento para subsidiar a atuação do órgão diante do confronto entre facções no presídio de Altamira, no Pará, que deixou 57 mortos até esta segunda-feira (29/7).

O procedimento foi aberto pela comissão do Sistema Prisional, Controle Externo da Atividade Policial e Segurança Pública do CNMP. Os integrantes querem reunir informações para tomar as providências próprias de protocolos emergenciais para acolher familiares das pessoas mortas e das que permanecem presas.

O Conselho Nacional de Justiça também expediu ofício ao Tribunal de Justiça do Pará pedindo informações sobre a situação prisional no estado. O tribunal terá 72 horas para enviar informações. 

Revista Consultor Jurídico, 30 de julho de 2019, 19h03

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 07/08/2019.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.