Consultor Jurídico

tratamento desumano

Defesa questiona deslocamento de João de Deus em porta-malas de carro da polícia

Retornar ao texto

Comentários de leitores

5 comentários

Direitos Humanos para Vítimas e não para Criminosos!

Advogado e Professor de Direito (Advogado Sócio de Escritório - Criminal)

Se não tivesse estuprado e violentado dezenas de vítimas não estaria numa gaiola, seja do Sistema Prisional, seja da Polícia!

Nível Civilizatório

F.H (Estudante de Direito)

É incrível como no Brasil tratar as pessoas com dignidade, mesmo os réus, é visto como ato de impunidade. Isso só demonstra o baixo nível civilizatório deste país. Não se está dizendo que o réu é inocente ou que não merece punição caso seja culpado, ou mesmo que deva ser transportado com luxo. O que se está pleiteando é que se respeite a Lei Maior, a qual protege a dignidade da pessoa humana, independente de quem seja. Em síntese, não é preciso cometer crimes para punir os eventuais criminosos, isto é ilógico!

Helicóptero

Advogado José Walterler (Advogado Autônomo - Administrativa)

Constrangimento indecoroso passaram as centenas de senhoras mães de família, ou não, que foram abusadas por esse VAGABUNDO. Ademais, ele foi conduzido exatamente no local destinado a PRESOS. O interior da viatura é para os POLICIAIS. De lembrar que esse salafrário é bilionário, graças as suas enganações, o que lhe habilita a contratar um helicóptero sempre que se fizer necessário sair do presídio para essa ou aquela audîencia.

"Desumanidade"

J. Ribeiro (Advogado Autônomo - Empresarial)

Com razão o ilustre advogado de defesa. Na próxima vez será requisitada uma limusine equipada adequadamente, de sorte, no trajeto, realizar sua prática médico religiosa.

Compartimento de presos

Servidor estadual (Delegado de Polícia Estadual)

Há diferença entre porta malas e compartimento de presos. A foto é clara, se encontra no compartimento de presos, e não há motivo para transporte de presos junto aos policiais que fazem a escolta, aliás, isso viola a segurança, ainda mais que as armas vão ao alcance dos passageiros e ninguém pode ser algemado. Não é razoável expor a vida dos policiais e do preso. Agiu acertadamente a escolta.

Comentar

Comentários encerrados em 12/07/2019.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.