Consultor Jurídico

Notícias

Balanço Semestral

CNJ julga mais de 250 processos no primeiro semestre de 2019

Por 

Após 14 anos de atividades completados no mês de junho, o Conselho Nacional de Justiça, informou que, no primeiro semestre de 2019, distribuiu 142 processos, arquivou 144, julgou 64 processos em 10 sessões presenciais e julgou 192 em sete sessões virtuais. 

O balanço foi divulgado nesta segunda-feira (1º/7), no encerramento das atividades forenses do semestre.

"No âmbito do CNJ, que completou no mês de junho 14 anos de atividades, o período foi marcado por muitas iniciativas e amadurecimento. O trabalho de excelência desenvolvido pelas áreas técnicas do Conselho tem contado com o valoroso auxílio e experiência da Corregedoria Nacional de Justiça e dos gabinetes dos conselheiros", afirmou o presidente do CNJ e do STF, ministro Dias Toffoli. 

 é correspondente da revista Consultor Jurídico em Brasília.

Revista Consultor Jurídico, 1 de julho de 2019, 19h59

Comentários de leitores

1 comentário

Representação contra maus juízes no CNJ.

henrique nogueira (Estudante de Direito - Civil)

Tenho representação para fazer no CNJ por ato ilegal e excesso de prazo contra magistrado de 1º grau, entretanto não existe uma orientação clara de como o advogado deve proceder....Existe apenas um vídeo que não esclarece de forma linear como o advogado deve protocolizar uma REPRESENTAÇÃO contra o excesso de prazo de juiz...Não fornecem um link, tenho dúvidas de como os colegas advogados conseguiram tal feito. O CNJ deve atualizar o passo a passo de como representar contra magistrados que não observam a LOMAN.

Comentários encerrados em 09/07/2019.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.