Consultor Jurídico

Harmonia entre poderes

Oposição tentará derrubar decreto que facilita posse de armas por civis

Retornar ao texto

Comentários de leitores

5 comentários

Porte nao, posse !

Ivo Lima (Advogado Assalariado)

O estagiário errou na manchete.

Ato contínuo, ninguém se importa com o choro da oposição.

Uma dica à "oposição".

SMJ (Procurador Federal)

O Partido dos (traidores dos) Trabalhadores embarcou na campanha midiática e capitaneou a luta política contra o comércio e posse de armas de fogo, ao lado da Rede Globo e entidades como a ONG Viva Ri(c)o. Esse foi um dos erros crassos que cometeu e que levaram à eleição do novo governo.
Em um país violento como o Brasil, é evidente afronta ao direito à vida a limitação exacerbada, pelo Estado, do direito de o cidadão se autodefender. Não é difícil compreender isso, é?
Melhor a "oposição" começar a se tornar inteligente, ou continuará perdendo até pra esse governo, que, quanto às armas, está muito à frente da política dos governos petistas. Insistir no mesmo erro do PT contra as armas levantando-se contra uma medida política melhor é dar mais notoriedade a esta e mais crédito ao novo governo.

Parodiando...

Cau Toledo (Outro)

"Então, imaginem vocês 'um ladrão' que sai para se divertir. Como você vai se sentir em saber que ele pode pegar um Uber e o motorista vai estar armado?”,

Decreto constitucionalista

Professor Edson (Professor)

Agora nós iremos ver a parcialidade ou imparcialidade do Toffoli, no indulto presidencial que solta corruptos é um direito do presidente, no voto secreto na casa legislativa é um direito da casa, e o decreto do posse de armas por mais intragável que possa parecer também é um direito presidencial, ou não?? Ou agora vão dizer que o presidente da República não pode fazer isso??? Por favor...

OAB não tem poder de legislar sobre exerc. profissional

VASCO VASCONCELOS -ANALISTA,ESCRITOR E JURISTA (Administrador)

OAB não tem poder de legislar sobre exercício profissional
Por Vasco Vasconcelos, escritor, jurista. Isso é Brasil: Depois do desabafo do ex-Presidente do TJDFT, Desembargador, Lécio Resende que afirmou numa entrevista ao Correio Braziliense: "EXAME DA OAB É UMA EXIGÊNCIA DESCABIDA. RESTRINGE O DIREITO DO LIVRE EXERCÍCIO CUJO TÍTULO UNIVERSITÁRIO HABILITA". Dias depois, pasme, OAB, usurpando papel da União, editou Provimentos isentando do famigerado caça-níqueis, exame da OAB, os bacharéis em direito, oriundo da Magistratura, do Ministério Público e os bacharéis em direito oriundos de Portugal. E com essas tenebrosas transações, aberrações e discriminações, essa EXCRESCÊNCIA o caça-níquei$ da OAB é Constitucional? A Declaração Universal dos Direitos Humanos repudia qualquer tipo de discriminação por ferir de morte os direitos humanos. Não é da alçada da OAB e de nenhum sindicato avaliar ninguém, muito menos legislar sobre exercício profissional.Não cabe Provimento da OAB, versar sobre critérios e condições para exercício de profissões, sob pena de violação do art. 22, XVI, da Constituição da República. De acordo com este, compete à União legislar acerca de condições para o exercício de profissões.Por invasão de competência privativa da União. Mas há vinte e quatro anos OAB vem se aproveitando dos governos omissos, covardes e corruptos para impor sua máquina de triturar sonhos e diplomas, gerando fome, desemprego , depressão, síndrome do pânico, síndrome de Estocolmo, doenças psicossociais e outras comorbidades diagnósticas. Uma chaga social que envergonha o país dos desempregados. Destarte urge o Presidente da República Jair Bolsonaro impor limites aos mercenários. Sugeri dia 02.01 a edição de MP abolindo caça-níqueis OAB

Comentar

Comentários encerrados em 23/01/2019.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.