Consultor Jurídico

Patrocinados

A retomada de um projeto histórico

O Acordo de Leniência que a Nova Participações, antigo grupo Engevix, acaba de assinar com a Advocacia-Geral da União e com a Controladoria-Geral da União em Brasília é muito significativo. Não só para o Grupo e seus trabalhadores, mas para a sociedade e um número grande de empresas que buscam se requalificar no mercado. O acerto gera uma nova perspectiva para as empresas do Grupo, uma vez que o dano causado por desvio de conduta será integralmente reparado — e com rigorosas garantias de que o passado não se repetirá.

A Nova Participações vem aperfeiçoando o seu programa de Governança, Integridade e Ética, o qual garante aos clientes absoluta confiança, transparência e segurança nas operações.

Essas ações se somam ao histórico de quase 55 anos de atuação na área de engenharia e infraestrutura, com presença importante nos principais projetos do país, entregando serviços de inquestionável qualidade técnica.

Nos últimos cinco anos, as empresas passaram por dificuldades em função de circunstâncias conhecidas, mas que não as impediram de cumprir com suas obrigações sociais, financeiras e trabalhistas de forma a estarem aptas em seguir adiante com o presente Acordo de Leniência.

Neste momento, em que a área de infraestrutura aponta para um futuro promissor, o Grupo está preparado para contribuir fortemente com os projetos públicos ou privados — e dar curso a um histórico de obras que, nas últimas cinco décadas, melhoraram a vida dos brasileiros no campo da Energia e Recursos Hídricos, de Projetos Industriais , da Química e da Petroquímica, Óleo e Gás e da Infraestrutura.

Revista Consultor Jurídico, 3 de dezembro de 2019, 13h13

Comentários de leitores

0 comentários

Ver todos comentáriosComentar