Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Homenagem póstuma

TJ de São Paulo vai homenagear primeira mulher da advocacia brasileira

Na segunda-feira (24/9), o Tribunal de Justiça de São Paulo inaugura o primeiro busto feminino de sua longa história. Maria Augusta Saraiva, a primeira mulher a cursar Direito do país, ganhará um busto de bronze na sede do TJ, no Centro de São Paulo. A homenagem foi pedida pela seccional de São Paulo da OAB. Hoje, há 16 bustos em homenagem a juristas no TJ de São Paulo.

ReproduçãoA advogada e educadora Maria Augusta Saraiva (1879/1961).

Nascida em janeiro de 1879, Maria Augusta Saraiva rompeu barreiras impostas ao sexo feminino ao ingressar na Faculdade de Direito do Largo de São Francisco. Formou-se na turma de 1902 e destacou-se nos estudos, sendo escolhida para fazer uma viagem à Europa.

Atuou em escritórios de advocacia, defendeu causas no Tribunal do Júri e foi nomeada Consultora Jurídica do Estado — um tipo de cargo de honra. Morreu no dia 28 de setembro de 1961.

Revista Consultor Jurídico, 20 de setembro de 2018, 8h22

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 28/09/2018.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.