Consultor Jurídico

Notícias

Sociedade plural

Bolsonaro deve governar para todos, sem preconceitos, diz Raquel Dodge

Por 

Ao comentar o resultado das eleições, a procuradora-geral da República afirmou, em coletiva de imprensa no Tribunal Superior Eleitoral neste domingo (28/10), que o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) deve governar para todos, sem preconceito ou discriminação.

Raquel Dodge disse que todos os brasileiros devem ser tratados da mesma maneira.
Antonio Cruz/ Agência Brasil

“A sociedade é plural e o Brasil é uma democracia. O presidente eleito governará para todos que convivem nessa terra abençoada, para promover o bem de todos sem preconceito e discriminação, para construir uma sociedade livre justa e solidária, porque, segundo a Constituição Federal, a República tem como fundamento a dignidade, o pluralismo político, a prevalência dos direitos humanos e a prevalência da paz”, afirmou Dodge.

Ela mencionou os vencidos, como Fernando Haddad (PT), que, ao participarem do pleito, “auxiliaram o debate, a diversidade e portanto a democracia”. A chefe da PGR destacou que a responsabilidade do presidente da República é de “zelar pela Constituição Federal”, pelo livre exercício dos Poderes e do Ministério Público, citando artigos da Constituição.

 é repórter da revista Consultor Jurídico.

Revista Consultor Jurídico, 28 de outubro de 2018, 22h42

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 05/11/2018.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.