Consultor Jurídico

Notícias

Corrida Eleitoral

Eleições para governador terão segundo turno em 15 estados

Por 

Neste domingo (07/10), 147 milhões de brasileiros foram às urnas, para escolher o presidente da República, os governadores de 26 estados e do Distrito Federal, 54 senadores, 513 deputados federais, 1.035 deputados estaduais e 24 deputados distritais. Confira como ficou a disputa pelos governos dos estados após o 1° turno.

Eleitos já no 1° turno:
Acre
Gladson Cameli (PP) - 53,60%

Goiás
Ronaldo Caiado (DEM) - 59,72%

Paraná
Ratinho Júnior (PSD) - 59,99%

Tocantins
Mauro Carlesse (PHS) - 57,38%

Espírito Santos
Renato Casagrande (PSB) - 55,49%

Ceará
Camilo (PT) - 79,68%

Mato Grosso
Mauro Mendes (DEM) - 58,68%

Bahia 
Rui Costa (PT) - 75,68%

Alagoas
Renan Filho (MDB) - 77,39%

Paraíba
João Azevêdo (PSB) - 58,23%

Piauí
Wellington Dias (PT) - 55,36%

Maranhão
Flavio Dino (PCdoB) - 59,45%

Disputarão o 2° turno:

Rio de Janeiro
Wilson Witzel (PSC) - 41,28%
Eduardo Paes (DEM) - 19,52%

São Paulo 
João Doria (PSDB) - 31,76%
Márcio França (PSB) - 21,49%

Distrito Federal
Ibaneis (MDB) - 41,97%
Rodrigo Rollemberg (PSB) - 13,94%

Mato Grosso do Sul
Reinaldo Azambuja (PSDB) - 44,61%
Juiz Odilon (PDT) - 31,62%

Rio Grande do Sul
Eduardo Leite (PSDB) - 35,89%
José Ivo Sartori (MDB) - 31,12%

Santa Catarina
Gelson Merísio (PSD) - 31,12%
Comandante Moisés (PSL) - 29,72%

Minas Gerais
Romeu Zema (Novo) - 42,90%
Antonio Anastasia (PSDB) - 29,04%

Pará
Helder Barbalho (MDB) - 47,81%
Marcio Miranda (DEM) - 30,15%

Rio Grande do Norte
Fatima Bezerra (PT) - 46,02%
Carlos Eduardo (PDT) - 32,55%

Pernambuco
Paulo Câmara (PSB) - 50,48%
Armando Monteiro (PTB) - 36,08%

Sergipe
Belivaldo (PSD) - 40,81%
Valadares Filho (PSB) - 21,50%

Amazonas
Wilson Lima (PSC)
Amazonino Mendes (PDT)

Amapá
Waldez (PDT) - 48%
Davi (DEM) - 33,87%

Roraima
Antonio Denarium (PSL) - 42,29%
Anchieta (PSDB) - 38,25%

Rondônia
Expedito Junior (PSDB) - 31,64%
Coronel Marcos Rocha - 24,08%

 é repórter da revista Consultor Jurídico

Revista Consultor Jurídico, 7 de outubro de 2018, 19h41

Comentários de leitores

2 comentários

É espantoso!

Palpiteiro da web (Investigador)

Mesmo com toda a roubalheira perpetrada pela esquerdalha, com vários deles condenados, alguns soltos outros presos (como o chefe da quadrilha), é de se espantar que amealharam grande quantidade de votos, inclusive conseguiram levar o candidato poste do Lula para o 2º turno.

Pernambuco não tem 2º turno.

JLFALMEIDA (Advogado Sócio de Escritório - Trabalhista)

Pernambuco não haverá 2º turno. Houve reeleição.

Comentários encerrados em 15/10/2018.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.