Consultor Jurídico

Notícias

Salários defasados

Toffoli classifica reajuste como justo e é aplaudido por presidentes de TJs

Comentários de leitores

5 comentários

Mais um fisiologismo...

Paulo Moreira (Advogado Autônomo - Civil)

A reboque, a pergunta de sempre: como é que fica o trabalhador comum, cuja renda média mensal é pouco superior a R$ 2.000,00 e atua no setor privado, que é quem realmente produz e é tributado para sustentar toda essa farra?

E os funcionários públicos?

O IDEÓLOGO (Outros)

Muitos com necessidades primárias, depressões, cansaço físico e mental, com divórcios e separações em andamento, depauperados...só lembram deles em épocas de eleições sindicais, greve e para pedir votos...

Arautos da Democracia

Juarez Araujo Pavão (Delegado de Polícia Federal)

Depois da agressão que o velho senado brasileiro fez aos trabalhadores do País como um reajuste salarial de 16 % ao judiciário representando 6 bilhões de reais aos cofres públicos. Fica a indagação, por que os arautos da democracia e do estado de direito nacionais não se manifestaram sobre esse descarado aumento salarial que os beneficia diretamente. Na verdade vivemos uma aristocracia de grupos dominantes e corporações dos três poderes disfarçada de democracia para ludibriar os incautos, isto porque, são milhões de pessoas vivendo neste País passando fome, sem saúde pública, educação de qualidade, segurança pública e saneamento básico acreditando na retórica desses senhores que vivem na cúpula e nos arredores do poder aquinhoados pelo Estado Brasileiro.

Brasil é isso

Ade Vogado (Advogado Autônomo - Tributária)

Brasil é assim, quando tem a chance, se aproveita.
Toda categoria faz a mesma coisa, TODA.
É um país sem nenhum senso de comunidade.

Irresponsáveis.

Professor Edson (Professor)

Apenas oportunistas, e pior, oportunistas de um país em crise.

Comentar

Comentários encerrados em 16/11/2018.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.