Consultor Jurídico

Notícias

Pedido incabível

Gilmar Mendes nega Habeas Corpus coletivo para suspender prisões antecipadas

Comentários de leitores

4 comentários

Inconsequente

Silva Cidadão (Outros)

O Gilmar Mendes, precisa, urgentemente, SER AFASTADO DO STF, pois, sua postura, cada dia que passa, parece evidenciar mais sua incompatibilidade com as funções de um agente público, em especial, a de um ministro da suprema corte. O desempenho de tal função, haja vista pelos efeitos que suas decisões provocam, passa necessariamente pela CONVICÇÃO DO JUIZ, fato que, lamentavelmente, não vemos quando comparamos a decisão do Gilmar Mendes, neste caso, e aquele do HC COLETIVO PARA AS BANDIDAS.

Caso a caso.

Paulo Andra (Advogado Autônomo - Civil)

Cada caso é um caso, ou seja, se o paciente for amigo, o habeas corpus é concedido, se é inimigo, é negado. Capice?

Foi Demais Até Mesmo Para GM

Osvaldir Kassburg (Oficial da Polícia Militar)

Habeas Corpus por atacado, até mesmo para Gilmar Mendes foi demais. Se colasse essa, quem sabe na sequência pleiteassem a declaração de inconstitucionalidade in totum do Código Penal. Afinal, ele permite que se atente contra um direito fundamental do ser humano, a liberdade.
Os inimigos do bem comum, aqueles que defendem um ordenamento jurídico que não tem por escopo ser o fundamento da ordem social, são incansáveis.

Casuísmo não.

Professor Edson (Professor)

Seria ridículo, dois julgamentos no plenário seriam jogados no lixo, casuísmo para salvar o Lula.

Comentar

Comentários encerrados em 27/03/2018.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.