Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Volta das atividades

Credores aprovam plano de recuperação judicial da Ecovix

Os credores da Engevix Construções Oceânicas (Ecovix) aprovaram o plano de recuperação judicial da empresa nesta terça-feira (26/6), apesar do voto contrário dos representantes do governo federal (Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e Petrobras).

A Assembleia Geral de Credores (AGC) ocorreu na cidade Rio Grande (RS) e durou três horas. Com isso, o Estaleiro Rio Grande deve retomar as atividades de reparos em plataformas, atracação de embarcações e movimentação de cargas, processamento de aço para a indústria metal-mecânica e finalização da plataforma P-71.

A Ecovix entrou com pedido de recuperação judicial em dezembro de 2016. Os investimentos no porto de Rio Grande começaram em 2010, quando a empresa venceu concorrência da Petrobras para a montagem de plataformas de petróleo. Cinco unidades foram entregues.

No auge da produção, cerca de 10 mil pessoas chegaram a trabalhar nos dois estaleiros. Hoje são cerca de 60 empregados no setor administrativo e em atividades de manutenção das estruturas. Uma empresa terceirizada corta blocos que seriam transformados na P-72.

A assembleia estava marcada para 15 de março, mas foi suspensa um dia antes por meio de liminar concedida pela 6ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul. No fim de abril, o TJ-RS autorizou, por unanimidade, a retomada do encontro.

* Texto atualizado às 20h do dia 26/6/2018 para acréscimo de informações.

Revista Consultor Jurídico, 26 de junho de 2018, 19h27

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 04/07/2018.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.