Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Acusação infundada

Jornal deve indenizar desembargador em R$ 75 mil por acusá-lo de integrar máfia

O jornal eletrônico Sul21 e o colunista Paulo Muzell aceitaram pedir desculpas e pagar R$ 75 mil por publicarem texto que acusou sem provas o desembargador Luiz Zveiter, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, de integrar uma “máfia” ligada ao grupo do ex-governador Sérgio Cabral (MDB).

Zveiter moveu ação pedindo indenização por danos morais de R$ 150 mil. Em audiência de conciliação, o Sul21 e Muzell concordaram em pagar dez parcelas de R$ 7,5 mil. Pelo acordo, homologado pela 18ª Vara Cível do Rio, os réus também se obrigaram a excluir a coluna e publicar retratação.

No texto, o jornal eletrônico e Muzell pedem desculpas pelas “ofensas” proferidas contra o desembargador. Reconhecendo que elas causaram “abalo à imagem” do magistrado, as partes dizem que não são verdadeiras as alusões e afirmações feitas na coluna.

Processo 0022282-97.2018.8.19.0001

Revista Consultor Jurídico, 20 de junho de 2018, 18h11

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 28/06/2018.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.