Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Ministério do Trabalho

Governo recorre ao STJ para empossar deputada Cristiane Brasil

O presidente Michel Temer recorreu ao Superior Tribunal de Justiça para reverter as suspensões impostas à posse da deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) como ministra do Trabalho. A apelação foi protocolada nesta sexta-feira (19/1) pela Advocacia-Geral da União

Cristiane Brasil teve posse suspensa porque foi condenada na Justiça do Trabalho por não registrar ex-motorista.
Wilson Dias/Agência Brasil

Antes desse recurso, o Tribunal Regional Federal da 2ª Região (RJ e ES) negou três recursos apresentados pelo órgão. Outros recursos impetrados por advogados da deputada foram igualmente rejeitados pelo desembargador Vladimir Vitovsky, do TRF-2.

Cristiane Brasil foi anunciada pelo presidente Michel Temer como ministra do Trabalho em 3 de janeiro, mas as decisões que suspenderam sua posse levaram em consideração uma condenação aplicada à parlamentar pela Justiça do Trabalho.

Ela foi obrigada a pagar mais de R$ 60 mil a um ex-motorista por não registrá-lo com carteira de trabalho. Na decisão de primeiro grau, proferida pelo juiz Leonardo Couceiro, foi dito que a nomeação de Cristiane Brasil é um “flagrante desrespeito à Constituição Federal no que se refere à moralidade administrativa”. Com informações da Agência Brasil.

Revista Consultor Jurídico, 19 de janeiro de 2018, 11h57

Comentários de leitores

2 comentários

Apelação não né?

Thiago Alberton (Advogado Sócio de Escritório - Civil)

Eu estava procurando uma notícia séria para ler. Apelação para o STJ? Não importa que a notícia tenha sido trazida de uma fonte leiga, eu confio no CONJUR como fonte de notícia jurídica tecnicamente precisa. Já enviei artigos que me responderam não terem sido aprovados pela comissão editorial. Esse também passou por ela?

Vergonha desmedida

daniel keslly (Contabilista)

Ora! o princípio da moralidade está ou não na constituição?
Ou começa se cumprir ou revoga do texto, já que para o presidente parece apenas letra morta.

Comentários encerrados em 27/01/2018.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.