Consultor Jurídico

Notícias

Balanço anual

Turma Nacional de Uniformização recebeu 27 mil processos em 2018

A Turma Nacional de Uniformização dos Juizados Especiais Federais (TNU) fez 10 sessões de julgamentos em 2018 e recebeu 27.003 processos entre 1º de janeiro a 11 de dezembro. Os números fazem parte do balanço divulgado na última sessão ordinária do ano da TNU, na sede do Conselho da Justiça Federal (CJF), em Brasília, nesta quarta-feira (12/12).

Depois da última sessão ordinária  da TNU, que aconteceu nesta quarta-feira (12/12), na sede do Conselho da Justiça Federal, colegiado deve voltar no dia 21 de fevereiro de 2019.
Divulgação

Dos processos recebidos, 2.823 foram distribuídos aos relatores, 2.246 julgados em sessão — já contabilizados os feitos da sessão do dia 12 de dezembro — e 743 decididos monocraticamente.

O presidente da TNU, ministro Paulo de Tarso Sanseverino, decidiu 31.321 processos. Foram baixados às Turmas Recursais 34.696 feitos, enquanto 73 foram remetidos ao Supremo Tribunal Federal e 255 ao Superior Tribunal de Justiça. Seguem em tramitação 6.528 processos.

Segundo o presidente do Colegiado, os dados apresentados impressionam, não somente pelo aspecto quantitativo, mas por demonstrarem o fluxo de trabalho dos integrantes da Turma Nacional. “Isso, na verdade, é resultado de um trabalho coletivo. Estão todos de parabéns, os magistrados que compõem a TNU, os servidores, e o representante do Ministério Público. Parabenizo a todos pelo trabalho realizado ao longo do ano”, disse o magistrado. Com informações da Assessoria de Imprensa do Conselho da Justiça Federal.

Revista Consultor Jurídico, 12 de dezembro de 2018, 17h43

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 20/12/2018.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.