Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Biênio renovado

Mais votado, Smanio é reconduzido para mais dois anos no comando do MP-SP

O novo governador de São Paulo, Márcio França (PSB), definiu nesta quarta-feira (11/4) o procurador-geral de Justiça pelos próximos dois anos: ele reconduziu Gianpaolo Smanio, que está na cadeira desde abril de 2016.

Smanio (à esquerda) ao lado do governador de São Paulo, Márcio
França, durante assinatura do decreto.
Governo do estado de São Paulo

O decreto foi assinado no Palácio dos Bandeirantes. Smanio deverá tomar posse perante o Órgão Especial do Colégio de Procuradores em sessão convocada para as 14h do dia 16 de abril.

Ele obteve 1.178 votos na eleição de sábado (7/4) entre a categoria, ante 663 de Valderez Abbud e 358 de Marcio Sérgio Christino. Ainda assim, cabia ao chefe do Executivo escolher um dos nomes da lista tríplice.

Em entrevista à ConJur quando era candidato, Smanio afirmou que vai incrementar investimentos em tecnologia e inovação, ampliar sedes, implantar promotorias regionais especializadas em segurança pública e “consolidar o MP-SP como referência no atendimento das grandes demandas da sociedade”.

Perfil
Gianpaolo Poggio Smanio é bacharel em Direito pela USP, com mestrado e doutorado em Direito das Relações Sociais pela PUC-SP. Natural de Campinas, ingressou no MP em 1988 e atuou como primeiro-tesoureiro e primeiro-vice-presidente da Associação Paulista do Ministério Público.

É um dos vice-presidentes do Conselho Nacional de Procuradores-Gerais (CNPG) e integra a comissão de juristas instituída pela Câmara dos Deputados para debater propostas para a área de segurança. Foi secretário-executivo do Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) e, com perfil acadêmico, é autor de 23 livros e professor do Mackenzie.

Assumiu a chefia do MP-SP em 2016, apoiado pelo então procurador-geral, Márcio Elias Rosa, e com o maior número de votos dos colegas. Com informações da Assessoria de Imprensa do MP-SP.

Revista Consultor Jurídico, 11 de abril de 2018, 17h55

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 19/04/2018.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.