Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

operação malebolge

PF faz busca e apreensão em imóveis do ministro da Agricultura Blairo Maggi

A Polícia Federal fez na manhã desta quinta-feira (14/9) buscas e apreensões em 64 endereços, incluindo imóveis ligados ao ministro da Agricultura Blairo Maggi. Os mandados são parte da operação malebolge (que corresponde à 12ª fase da Ararath) e são cumpridos a pedido do Supremo Tribunal Federal e da Procuradoria-Geral da República.

De acordo com a PGR, a operação tem caráter sigiloso e nenhum detalhamento será apresentado enquanto a operação estiver acontecendo. O caso está nas mãos do ministro Luiz Fux.

Para Fux, são “veementes” os indícios de que Maggi teria cometido crime de obstrução de investigação de crimes de organização criminosa. “Nesse contexto, justifica-se que se autorize o cumprimento da diligência tanto no domicílio pessoal quanto profissional dos requeridos, considerando a perspectiva concreta de que, nos aludidos locais, sejam encontrados provas úteis ao prosseguimento da investigação”, disse Fux na decisão.

Segundo a PF, participam da ação 270 pessoas, entre policiais federais e membros do Ministério Público Federal (MPF) nos seguintes municípios: Cuiabá, Rondonópolis (MT), Primavera do Leste (MT), Araputanga (MT), Pontes e Lacerda (MT), Tangará da Serra (MT), Juara (MT), Sorriso (MT), Sinop (MT), Brasília (DF) e São Paulo (SP). Com informações da Agência Brasil. 

*Texto alterado às 14h28 do dia 14 de setembro de 2017 para acréscimos.

Revista Consultor Jurídico, 14 de setembro de 2017, 9h35

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 22/09/2017.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.