Consultor Jurídico

Notícias

Delações em xeque

PGR está em "estado de putrefação e de degradação", afirma Gilmar Mendes

Comentários de leitores

19 comentários

Politicagem

breva (Advogado Autônomo - Trabalhista)

O indivíduo codinome beiçola, deveria largar de vez o judiciário e afundar de cabeça à política....é o fim da picada...

Ministro gilmar ferreira mendes

O IDEÓLOGO (Outros)

O seu pensamento, ligado às tradições "manuelinas", é extremamente reacionário, com uma dose de doutrina alemã, a qual, conforme demonstrado pelo professor Juliano Zaiden Benvindo, não domina.
Vejamos: "Depois de lermos constitucionalistas e teóricos do direito do porte de um Jack Balkin, Daryl Levinson, Sanford Levinson, John Rawls, John Hart Ely, Ronald Dworkin, Mark Tushnet, Cass Sunstein, Bruce Ackerman, Christoph Möllers, Laurence Tribe, Marcelo Neves e tantos outros, dói demais ouvir de pessoas o seguinte comentário: “apesar de tudo, Gilmar Mendes é um grande autor do direito e um jurista respeitado”.
Bem, minha opinião: é um dogmático, compilador de jurisprudência e de alguma doutrina, mas não tem nada de especial. Como teórico, fica bem a desejar. Seu raciocínio tende mais para uma perspectiva “manualesca” do que efetivamente acadêmica. O propósito também parece ser mais construir obras que dão lucro (aliás, muito lucro), do que aprofundar temáticas complexas do constitucionalismo. Vende seus livros como água, mas que pouco agregam a nossa cultura constitucional. Quando tenta fazer algo, muitas vezes parece ligado a uma estratégia de poder, com uma ênfase clara em dar ao STF poderes que nem de longe tem ou deveria ter. Aliás, em várias passagens, há falácias históricas e teóricas que, para um bom entendedor, doem na alma. Verdades construídas e bem longe de serem constatadas. Traduções fora de contexto. Autores fora de contexto. Cansei de ver exemplos, já escrevi artigos a respeito e até mesmo orientei trabalhos nessa linha ("http://jornalggn.com.br/fora-pauta/gilmar-mendes-e-a-desconstrucao-de-um-mito).

data vênia.

Neli (Procurador do Município)

Gosto do Ministro Gilmar, mas, discordo dessas manifestações.
Juiz somente deve falar no bojo do processo.
Juiz fala em nome do Poder Judiciário .
Manifestações políticas devem ser deixadas para os outros poderes e não para o Judiciário.
Todo apoio para a Lava Jato.

Parabéns ao senhor procurador geral da República pelo hercúleo trabalho realizado durante o seu mandato.

Deus abençoe a nova Chefe do Ministério Público.

´

o Gilmar é um aculturado ninja.

Rinaldo Araujo Carneiro - Advogado, São Paulo, Capital (Advogado Sócio de Escritório - Empresarial)

E novamente as opiniões daqui se voltam a atacar pessoas e não as ideias expostas nas notícias e artigos.
Gostem ou não o Ministro Gilmar fundamenta.
Simpatizem ou não, cada opinião ou decisão dele, ou de qualquer um ali do STF, é fundamentada.
Misturar isso com preferências pessoais ou partidárias, antipatias, ataques, chiliques verbais, são gestos pequenos demais pro debate aqui. Me poupem, caray.
A propósito, porque alguns aqui usam codinomes?
Deveria ser vedado opinar aqui e não mostrar a cara.
Carpe diem.

Abusos

magnaldo (Advogado Autônomo)

Gilmar Mendes tem demonstrado parcialidade mas o MP é órgão de acusação e exerce esse papel até a última instância, mesmo se há evidências de que o cidadão é inocente. Logo, não deveria investigar pois quando acha alguém culpado pode direcionar as investigações e provas para incriminar ou realçar a acusação. A polícia investiga para esclarecer e colher provas com mais imparcialidade.

A putrefação do mpf

olhovivo (Outros)

Concordo com o delegado Ribas, salvo quanto à sua opinião sobre o Min. Gilmar Mendes. Ele é um dos poucos que vinha, há muito, aparando as garras do monstro. Foi o primeiro a revelar publicamente a pouca ou nenhuma qualificação de JANOT.
A realidade é que de tão putrefato, o MPF DEVERIA SER EXTINTO e aproveitados os seus membros como procuradores do INSS, da Fazenda, FUNAI e outros órgãos do gênero. A função de órgão acusador deveria passar para a DPU, com revezamento de seus integrantess em ambas as funções para não adquirirem os recalques de promotor de acusações.

Eu vim para confundir , não para explicar !

hammer eduardo (Consultor)

É uma pena constatar que o STF continua sem comando pois o Chacrinha continua "balançando a pança e comandando a massa" , Carmen Lucia certamente continua tomando sua chicara de chá olhando pela janela e tentando fazer de conta que esta tudo bem naquele "lugar estranho".
Aquele ministro cujo tamanho da língua é incompatível com o espaço na boca continua dando as cartas ignorando SOLENEMENTE o fato de que aquele "lugar estranho" tem uma Presidente a qual ele deveria NO MINIMO ter um pouco de consideração e respeito quando não pelo Cargo , ao menos pelo fato de ser mulher.
Chacrinha faz as escancaras o que outros talvez optem por fazer de maneira mais contida , ou seja, representa interesses espúrios de partidos políticos e grupelhos econômicos de bandidos de jatinho.
Alias fica aberta a bolsa de apostas referente a "que dia em breve" ele de maneira monocrática deverá conceder o habeas corpus para o jeca rico da JBS , firma com a qual o Chacrinha e sua famiglia detem interesses econômicos correlatos.
Rodrigo Janot sai em questão de poucos dias levando em seu embornal as flechas derradeiras , um bom estoque de bambu que era para ter sido usado contra o PT e não foi , e mais um monte de historias que certamente vão render um livro aguardado desde agora.
O Brasil virou uma ZONA de fazer o Bahamas e a Casa da Eny em Bauru se transformarem em "ambientes familiares" por comparação direta. O STF alias tem uma enoooorme parcela de culpa nisso seja por sua descarada tendência a politizar as coisas ou a omissão e a preguiça somados. Lembremos sempre que 1964 começou por uma fração microscópica da bandalha atual. Que nojo !

Tragados pelo perigo!

Guaracy Moreira Filho. (Administrador)

A imprensa começa tardiamente a perceber que ajudou a construir mentiras e a destruir muitas reputações publicando, sem refletir,tudo que lhe era passado pelo Ministério Público.Investigar a base de delações de quem está desesperado é fácil,vazar informações sigilosas também não é difícil, mas apurar os fatos de forma imparcial é que se exigiria de uma instituição que ,infelizmente,esqueceu sua função de acusar com provas relevantes.É aquela história de Juca e Chico: de tanto brincarem com o perigo acabaram sendo tragado por ele.

Recuperação

Ribas do Rio Pardo (Delegado de Polícia Estadual)

Nem Janot, nem Gilmar Mendes, este último, pelo que se lê trabalha com partidos, o que me parece inadequado, todavia, temos que recuperar a representação política e, sim, por freios no MPF, que virou um monstro a atacar tudo e a todos, vi uma proposta contra a corrupção em que suscita a busca por recursos na iniciativa privada, exatamente como faziam os políticos tão atacados agora. Precisamos reformular a CF e limitar os poderes do MPF a nível que não desequilibre mais o país, que a investigação seja profunda, mas serena e não paixão jurídica do Torquemada de plantão. Aproveitar e reformular a polícia e a Perícia tão depreciada e esquecida no jogo processual em nosso país. O controle externo deve ficar na mão do Senado, e não de instituição que fomente guerra e fratricídio da instituição, como bem lembrou o Professor Jacinto dias desses.

Tá certo...

JDMzz (Juiz Estadual de 1ª. Instância)

Ainda bem que nós temos esse ministro, um verdadeiro arauto da moralidade, para abrir nossos olhos...

Holofote

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

A situação lamentável de decadência do Ministério Público Federal não é de agora. O que há de diferente neste momento é a visibilidade, pois ações midiáticas, personalistas, por vezes com mãos dadas com criminosos sempre existiram.

Exemplo de seriedade

Euclides de Oliveira Pinto Neto (Outros - Tributária)

Necessário fazer nova Constituição para o país. Necessário buscar novas formas de escolha dos membros de tribunais superiores. Necessário criar um poder que possua capacidade de analisar atuações dos outros poderes, a fim de permitir revisão dos atos praticados. No império, o poder moderador representado pela figura do Imperador fazia este trabalho como órgão superior de fiscalização e como último recurso para quaisquer reclamações sobre atos praticados pelos poderes. Algumas nações criaram a figura do "ombudsman", para exercer esta função. Aqui no Brasil, seria como uma Corregedoria Geral da República, sem ligações partidárias e escolhido por um colegiado (a ser definido), com mandato de 10 anos e que nunca tenha exercido nenhuma atividade parlamentar. Poderia atuar em qualquer situação, por iniciativa própria ou por solicitação de qualquer cidadão, com poderes para convocar qualquer membro dos poderes constituídos, bem como exigir apresentação de quaisquer documentos necessários à averiguação.
Pode não encerrar os casos de corrupção, porém daria aos cidadãos a certeza de poder contar com um órgão independente, não vinculado à canalha política que existe no país - e não muito diferente daquelas existentes em outros países do mundo...

Coitado do stf...

Jorge (Jornalista)

Coitado do stf obrigado a conviver com e$$e elemento $em moral, $em compostura, $em pudor.

Mpf da banânia

olhovivo (Outros)

Depois da ponta do putrefado iceberg que submergiu do mar de lama do acordo entre JANOT e Cia. com JOESLEY e Cia., hoje é possível afirmar que o MPF é o órgão mais desacreditado da república da Banânia.
A leviandade de JANOT ultrapassou os limites da sanidade ao divulgar mentirosamente que havia envolvimento de membros do STF, com o objetivo claro de pulverizar o foco que sabia recair sobre si e seus "ilibados" colegas.

Falastrão

Flávio Marques (Advogado Autônomo - Criminal)

O ministro-falastrão ataca novamente! O STF decidiu contra a desaposentação, por irresponsabilidade do Estado por seus terceirizados, impossibilidade de rever a lei de anistia e mil e uma outras decisão que fazem a corte ser tão fétida quanto a PGR! Além disso, foi esse sujeito que, no TSE, absolveu a chapa-corrupta por EXCESSO de prova, não!? Agora, torno a repetir, acho um absurdo os agredidos não rebatarem pesado essas "mulecagem" desse ministro! Não é possível que têm tanto "medinho" dele assim!

bom é o stf que levou mais de 100 anos para condenar alguem

analucia (Bacharel - Família)

Condenar alguem no mensalao. E o proprio stf soltou o gedel e tambem o deputado da mala !!! Reslmente o STF acerta sempre

bom é o stf que levou mais de 100 anos para condenar alguem

analucia (Bacharel - Família)

Condenar alguem no mensalao. E o proprio stf soltou o gedel e tambem o deputado da mala !!! Reslmente o STF acerta sempre

bom é o stf que levou mais de 100 anos para condenar alguem

analucia (Bacharel - Família)

Condenar alguem no mensalao. E o proprio stf soltou o gedel e tambem o deputado da mala !!! Reslmente o STF acerta sempre

Fim do Primeiro Ato

Rejane Guimarães Amarante (Advogado Autônomo - Criminal)

Encerra-se, com essa sessão do STF, o Primeiro Ato da Delação da JBS.

Comentar

Comentários encerrados em 20/09/2017.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.