Consultor Jurídico

Notícias

Constrangimento ilegal

Gilmar Mendes concede HC para mãe de duas crianças ficar em prisão domiciliar

Comentários de leitores

7 comentários

Direitos humanos

Servidor estadual (Delegado de Polícia Estadual)

A alegação de defesa dos direitos humanos fundamenta tudo.... o que é errado no Brasil. Basta essa alegação para colocar Gêge do mangue, latrocidas, assassinos e traficantes da primeira estirpe na rua. A tal Adriana Anselmo vivia viajando, mas bastou ser presa para descobrirem que faz falta aos filhos. A maioria dos traficantes utilizam a própria casa e, desse modo já desde a idade tenra ensinam o filho como é ruim trabalhar. O Brasil privilegia os criminosos, que não pagam impostos, não contribuem com o desenvolvimento, subtraem o que os produzem e ganham e, ainda recebem as benesses do Estado. AQUI O CRIME COMPENSA.

Responder

Terra do Nunca

Ricardo (Outros)

No Brasil violar a lei realmente compensa. Qualquer um com o mínimo de condição financeira consegue postergar uma condenação até mais não poder e, mesmo com o trânsito em julgado, o cumprimento de pena não passa de uma miragem! São tantas as benesses legais e hermenêuticas que, no final, o sujeito conclui que praticar crimes realmente compensa! É preciso repensar o pacto social. Aqui no Brasil o cidadão cede parcela de sua liberdade ao Estado em troca de proteção, mas não recebe absolutamente nada em contrapartida. É uma via de sentido único. O Estado simplesmente abdicou do interesse da coletividade e tornou-se um ente amorfo, estéril, cuja existência só se justifica para a manutenção do establishment.

Responder

A justiça ainda é cega??

armelino (Estudante de Direito)

Observando o comentário anterior, conclui que, infelizmente, ainda existem defensores da idéia que cadeia fora feita apenas para os 3 Ps. Creche pública para os filhos da pobre continuar presa???? E Adriana Ancelmo?? Ah, esta pode ir pra casa, pois o que ela fez de mal/ilícito? E seus filhos estão seguros com ela, afinal de contas é advogada, a classe mais ilibada de nossa sociedade.
Brasil ainda é uma comédia em se tratando dos envolvidos no trato dos direitos legais.

Responder

Eternidade

Pedro Cassimiro (Advogado Autônomo - Criminal)

Agiu com acerto o Ministro Gilmar. Decidir de modo contrario significa alienação parental estatal. Alem do mais, uma criança sem mae fomenta a criminalidade. Para que fosse justificado o afastamento da mae o mínimo que deveria ter e informações acerca do trato recebido pela criança. Sendo positivo, prisão domiciliar.

Responder

Garantismo exacerbado

O IDEÓLOGO (Cartorário)

Será que a reeducanda não voltará a traficar? Ela, para educar os rebentos, precisará de recursos.
Em nome dos Direitos Humanos os Tribunais estão praticando atos não aprovados pela população.

Responder

Monitoramento.

Professor Edson (Professor)

Nesses casos seria bom o Juiz decretar o uso de tornozeleira eletrônica, a pessoa sendo monitorada é melhor pra todo mundo, evitaria a continuação delitiva e de certa forma iria tranquilizar a sociedade.

Responder

O risco do Judiciário sucumbir

J. Ribeiro (Advogado Autônomo - Empresarial)

Será que essas crianças aos cuidados de uma creche pública não estariam mais seguras e melhor cuidadas?
Está se chegando a um ponto de limite de tolerância de atos, omissivos e comissivos, de um governo fraco, contaminando com sua fragilidade e erros as instituições.
Mas, parece que o nosso judiciário optou pela opção mais módica, da conveniência, pois nem todos os traficantes e criminosos condenados, por razões desconhecidas, gozam desta benesse.
É por estas e outras que políticos oportunistas, de direita, aparecerão com respaldo da população, pois estas não aceitam este tipo de mazela, flagrante abuso a inteligência do povo.

Responder



Comentar

Comentários encerrados em 8/04/2017.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.