Consultor Jurídico

Notícias

Mutirão de solturas

Advogados pedem HC a todas as presas grávidas e mães de crianças até 12 anos

Comentários de leitores

7 comentários

concordo

Servidor estadual (Delegado de Polícia Estadual)

Além do beneficio conseguido por alguns, o STF e o STJ tem que explicar porque existe uma fila de meses de HC para serem julgados, mas o senhor Eike Batista e a senhora Cabral conseguiram ver seus HCs julgados. está na hora de dirigirmos nossos olhares para o Judiciário. Assim como há a fila dos transplantes, deve haver a fila dos HCs, afinal, a liberdade é maior bem depois da vida.

Exemplo a ser seguido

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Curvo-me aos abnegados advogados, por agirem nos exatos ditames da profissão.

Parabéns

Rengapse (Juiz Estadual de 1ª. Instância)

Pau que dá em Chico - dá em Francisco - às avessas. Se é para soltar a Sra Cabral que também soltem as presas em condições semelhantes... Parabéns pela iniciativa!!! Apesar de achar que não surtirá o efeito desejado.

Ventre livre às avessas

L.F.V., LL.M (Advogado Assalariado - Tributária)

Pobres infantes! Reduzidos a mercancia concebida ad hoc para sacrifício no altar da bandidolatria. Com o incentivo posto para as detentas em busca de (ipso facto) liberdade antecipada a serviço de suas quadrilhas, o Estado marcuseano democida dobra a aposta no caos e assegura a próxima geração de clientes da advocacia criminal, ao mesmo tempo em que redobra a percepção de impunidade (pois até parece que há efetivo para controle de "prisões domiciliares" em escala - sabe-se perfeitamente que representam alvarás de soltura, e é isso mesmo o que se quer).
.
Em um único lance, duas grandes conquistas da falência deliberada da ordem pública. Reverte-se, assim, a lei do ventre livre: as visitas íntimas dos chefes de bando assegurarão a escravidão perpétua das tristes crianças geradas ao propósito perverso dos senhores mandantes.

O poder dos precedentes

Marco Martins (Outros - Administrativa)

Justiça deveria ser assim, o que vale para João também deveria valer para Joaquim. Mas, como vivemos numa sociedade hipócrita e elitista, com certeza o caso da ex-primeira dama não orientará as decisões futuras.

E Agora?

Sã Chopança (Administrador)

Qualquer presa poderá sair da prisão simplesmente engravidando?

Nada disso.

Professor Edson (Professor)

Esse benefício não é automático, o benefício é individualizado e existem critérios a ser manifestados pelo julgador.

Comentar

Comentários encerrados em 16/05/2017.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.