Consultor Jurídico

Notícias

Atividade privativa

Associação paranaense que oferecia serviços jurídicos é condenada na Justiça

Comentários de leitores

9 comentários

Nada de corporativismo.

Ricardo A Borges (Advogado Sócio de Escritório - Administrativa)

Corporativismo? Faça-me o favor!

Já existe a Defensoria Pública e Núcleos de Prática Jurídica de faculdades para atender a população carente. Nesses casos, essas pessoas "carentes" não precisam firmar contrato, como no caso em questão.

Aliás, se tinham condições de firmar um contrato, eventualmente o tinham de contratar um advogado.

O fim social das associações é específico, não se podendo travesti-lo a pretexto de "ajudar a população carente". A todos os envolvidos na referida """associação""", por que não vão prestar serviços assistenciais a creches, asilos e congêneres? Garanto que ajudarão, e muito, essa parcela da população. Mas não venham querer "ajudá-los" transgredindo a lei.

Aos que criticam a conduta de "corporativismo", vocês estão parecendo feministas, que enxergam tudo pela ótica do sexismo, pelo amor.

Nada de corporativismo.

Ricardo A Borges (Advogado Sócio de Escritório - Administrativa)

Corporativismo? Faça-me o favor!

Já existe a Defensoria Pública e Núcleos de Prática Jurídica de faculdades para atender a população carente. Nesses casos, essas pessoas "carentes" não precisam firmar contrato, como no caso em questão.

Aliás, se tinham condições de firmar um contrato, eventualmente o tinham de contratar um advogado.

O fim social das associações é específico, não se podendo travesti-lo a pretexto de "ajudar a população carente". A todos os envolvidos na referida """associação""", por que não vão prestar serviços assistenciais a creches, asilos e congêneres? Garanto que ajudarão, e muito, essa parcela da população. Mas não venham querer "ajudá-los" transgredindo a lei.

Aos que criticam a conduta de "corporativismo", vocês estão parecendo feministas, que enxergam tudo pela ótica do sexismo, pelo amor.

Corporativismo

O IDEÓLOGO (Outros)

O advogado é corporativista e não aceita críticas. Não percebe que a sociedade não o venera.

Manchete errada

Gil Reis (Advogado Autônomo)

Corrigir a manchete, substituir PARAENSE por PARANAENSE.

Paranaense

Ricardo ATonin Fronczak (Advogado Sócio de Escritório - Civil)

E não Paraense como está no título.

negando o amplo acesso....

analucia (Bacharel - Família)

O Judiciário acaba reproduzindo o corporativismo dos bacharéis em direito..... criam dificuldades, para vender facilidades... e as pessoas não conseguem ter acesso ao serviço jurídico em razão do modelo palaciano, artesanal e arcaico adotado pela maioria dos escritórios de advocacia.

Propaganda Explícita

Davison Freire (Advogado Autônomo - Civil)

Agem em São Paulo também. Na rádio Bandnews, com recorrência se ouve a propaganda dessa mesma empresa (Associação dos Mutuários), captando clientes.
Estava demorando para isso acontecer.

Atenção, Conjur

Hans Zimmer (Assessor Técnico)

A manchete confundiu paraenses com paranaenses, como quem confunde australianos com austríacos.

Título

Leonardo Santa Brígida (Advogado Sócio de Escritório - Civil)

O título da reportagem deve ser : "Associação paranaense..."

Atenciosamente,

Comentar

Comentários encerrados em 24/01/2017.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.