Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Derrota do peixe

Veja não terá de indenizar Romário por reportagem sobre conta na Suíça

Por 

A revista Veja não terá de indenizar o senador Romário Faria (PSB-RJ) por reportagem de 2015 que afirmava que ele teria uma conta na Suíça com R$ 7,5 milhões. Para o juiz José Rodrigues Chaveiro Filho, da 3ª Vara Cível de Brasília, a resposta do banco de que o senador não era seu correntista foi evasiva.

Reportagem afirmava que Romário teria uma conta em banco da Suíça. Reprodução

No texto, a revista publicou imagem de um extrato bancário que seria de Romário. O senador, porém, disse que o documento era falso, e o banco suíço emitiu uma declaração dizendo apenas que ele não era seu correntista. Pelo erro, o ex-jogador de futebol pedia R$ 75 milhões de indenização e retratação.

A defesa da revista, feita pelos advogados Alexandre Fidalgo e Juliana Akel Diniz, do escritório Fidalgo Advogados, afirmou que a reportagem é verdadeira, de interesse público e foi baseada em fonte segura e investigação oficial existente à época, junto ao Ministério Público do Brasil.

Os advogados ressaltaram que houve clara imprecisão na resposta apresentada pelo banco ao MP de Genebra, este oficiado pelo MPF brasileiro, para informar se a conta de fato existia. Em um primeiro momento, a resposta do banco foi negativa, o que fez com a que a investigação fosse arquivada. Constatado, posteriormente, que havia imprecisão na resposta, o caso foi desarquivado e reaberto. A revista afirma que o banco tentou beneficiar Romário com uma resposta.

 é repórter da revista Consultor Jurídico.

Revista Consultor Jurídico, 1 de dezembro de 2017, 18h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 09/12/2017.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.